terça-feira, 30 de junho de 2020

SURUBIM: "Flávio Nóbrega tem candidatura sólida e será prefeito pelo Republicanos", afirma Silvio Costa Filho



O deputado federal e presidente estadual do Republicanos, Silvio Costa Filho, rechaçou qualquer possibilidade do partido não disputar a prefeitura de Surubim, com chapa majoritária encabeçada pelo médico e ex-prefeito (por duas vezes) Flávio Nóbrega. 

Socialistas defensores da reeleição da prefeita Ana Célia Farias(PSB) estariam articulando rifar a candidatura do médico numa possível barganha política em Jaboatão dos Guararapes. A ideia foi duramente criticada nos bastidores da política local e repudiada pelos apoiadores engajados no projeto da candidatura do médico.

O partido Republicanos emitiu nota reafirmando a candidatura própria em Surubim. O  texto, enviado ao nosso Blog pelo deputado Silvio Costa Filho, não só qualifica a candidatura Flávio Nóbrega como "sólida", como também coloca Surubim na lista dos municípios que terão prefeitos eleitos pelo partido.

Confira a nota:

" Fortalecido - Presidido pelo deputado Silvio Costa Filho, o Republicanos Pernambuco segue ampliando as candidaturas e pretende eleger prefeitos nas principais cidades do Estado. Um exemplo é a cidade de Surubim, que tem o ex-prefeito Dr. Flávio Nóbrega como pré-candidato. Silvio tem destacado que Flávio tem uma candidatura sólida e lidera as pesquisas internas na cidade."

Da Redação, Alberico Cassiano.

SURUBIM: Candidatura Flávio Nóbrega corre risco de ser rifada via Jaboatão e ex-prefeito se tornar "Marília Arraes do Agreste"?


O ex-prefeito Flávio Nóbrega, pré-candidato à Prefeitura de Surubim, estaria correndo um sério risco de ter a candidatura rifada, graças a uma possível negociação entre o PSB e o Republicanos, que envolveria as disputas pelas prefeituras de Surubim e Jaboatão dos Guararapes.

De acordo com uma importante liderança do PSB local, ouvida em reserva por nossa reportagem, os socialistas de Surubim já estariam pedindo ao alto comando do partido que PSB e Republicanos sejam obrigados a caminhar juntos nas duas cidades.

A ideia é articular que na mesa de negociação do apoio do PSB à candidatura dos Republicanos à prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, os socialistas incluam o pedido de retirada de candidatura própria em Surubim.


Flávio Nóbrega foi prefeito por duas vezes, eleito pelo PT (2005-2008 e 2009-2012), fez o sucessor, Tulio Vieira(PT- 2013-2016, hoje pré candidato do Podemos), mas rompeu e se filiou ao PSB. Em 2016, indicou o filho, Guilherme Nóbrega, para vice de Ana Célia Farias(PSB). Este ano, rompeu politicamente e se filiou ao Republicanos para disputar a prefeitura de Surubim.

A escolha foi estratégica porque o partido estava fora da base de influência do Palácio do Campo das Princesas. O presidente estadual da legenda, deputado federal Sílvio Costa Filho tem o nome cotado para disputar a Prefeitura do Recife.Entretanto, atualmente tem se aproximado politicamente do também deputado federal João Campos, que vai encabeçar a chapa socialista para disputar a prefeitura da capital.


A aproximação não ocorre por acaso. O ex-deputado Silvio Costa, se filiou ao Republicanos para disputar a prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, na região Metropolitana do Recife. Silvio (pai) articula a "Frente Democrática de Jaboatão" para tentar barrar a reeleição do prefeito bolsonarista Anderson Ferreira(PL). A ideia do Republicanos é garantir o apoio dos socialistas palacianos para conquistar a prefeitura da segunda cidade mais importante do estado. 




O diálogo entre os deputados João Campos e Silvio Costa Filho já rende resultados concretos. PSB e Republicanos vão disputar juntos em Abreu e Lima, Camaragibe e em São Lourenço da Mata, todos no Grande Recife. Os socialistas de Surubim apostam que a conversa deve migrar para as cidades do interior. 

"O partido (PSB) não vai perdoar a saída dele [Flávio Nóbrega] assim, sem fazer nada. Claro que a gente pode fazer uma composição com o PR [Republicanos], na cúpula.Temos a quem pedir isso lá em cima. Surubim é estratégico aqui na região para o PSB da mesma forma que Jaboatão agora é importante para o Republicanos. Então não será nada demais o deputado [Silvio Filho] priorizar a candidatura do pai, afinal Jaboatão é uma cidade bem mais importante para o partido [Republicanos] administrar. Ele [Flávio Nóbrega] será a Marília Arraes do Agreste, não é bom? Marília ganhava 'lisa', mas veja o que aconteceu", afirmou o socialista.




Ainda de acordo com a fonte, a possível articulação 'no tapetão' partidário contra a candidatura de Nóbrega já está sendo festejada nos grupos partidários da prefeita Ana Célia Farias nas mídias sociais. "Por enquanto, é algo muito calado, mas estão agindo. Já se fala,mas muito 'pra gente'. Nos grupos, quando o assunto surge, todo mundo vibra porque isso seria uma vingança 'bem empregada' contra ele [Flávio Nóbrega]", provoca.




FAVORITO - em recente entrevista ao blog de Magno Martins.o deputado federal Silvio Costa Filho não só reafirmou a candidatura Flávio Nóbrega, como disse que o ex-prefeito lidera a sucessão municipal em Surubim: 

"Eu estava conversando com Flávio [Nóbrega], acabamos de avaliar uma pesquisa interna, nosso ex-prefeito está liderando com o bloco na rua. Impressionante a aprovação de seu governo, a aprovação popular, mesmo sem a candidatura posta, já aparece aqui liderando todos os cenários. E eu tenho muita confiança que o ex-prefeito Flávio vai voltar a ser prefeito de Surubim. Uma pessoa que, de fato, construiu uma marca muito forte na educação, na saúde, cuidou das pessoas e penso que Flávio tem todas as condições de poder vir a ganhar em Surubim", afirmou, no programa Frente a Frente, retransmitido em Surubim pela rádio Integração FM

Fotos: Reprodução Google  Facebbok.
Da Redação, Alberico Cassiano.  

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Pernambuco tem mais de 40 mil pacientes recuperados da Covid-19


 Alta de paciente no Hospital Oswaldo Cruz (Foto: Yacy Ribeiro-JC Imagem)  

O Boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) com o detalhamento epidemiológico da Covid-19, nesta segunda-feira (29.06), traz uma marca expressiva: Pernambuco já passou de mais de 40 mil recuperados da doença. Ao todo, são 40.088 pessoas curadas do novo coronavírus. Desse total, 9.191 são de casos graves - aqueles pacientes que passaram por internamento em unidade hospitalar e já receberam alta - e 30.897 casos leves.

“São dados que superam a frieza dos números e nos motivam a continuar trabalhando incansavelmente para abrir novos leitos, salvando mais vidas. Até agora, neste que já é o maior esforço sanitário, logístico e de mobilização de recursos humanos da nossa história, já abrimos mais de 1.700 leitos, sendo 776 de UTI”.

O boletim de hoje também aponta que, após 3 meses com taxa de ocupação acima de 80% e atingir pico de 300 pacientes suspeitos aguardando, temporariamente, vaga de terapia intensiva no mês de maio, os leitos de UTI voltados para casos suspeitos e confirmados da Covid-19  em Pernambuco atingiram a ocupação média de 77% – taxa que não era alcançada desde o dia 05 de abril. Desde o início de junho, as solicitações ativas para vagas de UTI de pacientes com a doença têm disponibilização imediata de leito, já que a oferta é maior que a demanda. Ao todo, neste momento, de acordo com dados da Central de Regulação de Leitos, que é responsável pelo encaminhamento de pacientes aos estabelecimentos de saúde vinculados ao SUS, há mais de 200 leitos de UTI vagos na rede e a lista de espera está zerada. 

“Esses números confirmam a tendência de estabilização da Covid-19 em Pernambuco, mas também deixam claro que ainda não é o momento de relaxarmos e comemorarmos, além de não podermos nos precipitar. Algumas regiões, como o Agreste, ainda apresentam dados discrepantes e, se houver descuidado, nada impede uma segunda onda de contaminação. Por isso, os pernambucanos têm um papel determinante e precisamos manter distanciamento social, assim como as medidas de higiene, uso de máscara e o maior isolamento social possível”, destacou André Longo.

Operações Tapa-Buracos e de Manutenção seguem com reparos nas vias de Caruaru



A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Obras, segue realizando os serviços de manutenção e tapa-buracos nas vias da cidade. A ação tem como objetivo recuperar o maior número de vias danificadas, seguindo um cronograma semanal, planejado de acordo com as necessidades emergenciais de cada localidade.

Na última semana (22 a 26/06) foram contemplados os bairros: Divinópolis, Cidade alta, Alto do Moura, Salgado, São José, Vassoural, Indianópolis, Petrópolis, Boa Vista, São João da Escócia, Maurício de Nassau, Riachão, José Carlos de Oliveira e Rendeiras. Foram realizados reparos na pavimentação, desobstrução de redes de esgotos e limpeza de sistemas de drenagem.

“O objetivo da Prefeitura de Caruaru é chegar em cada lugar desta cidade que está precisando de cuidado e manutenção. É um trabalho gigante e necessário, mas a proposta é atender a todos, dentro deste cronograma semanal e respeitando as emergências na hora das execuções”, explica o secretário de Obras do município, Rodrigo Miranda.

Esta semana (29 e 30/06 e 01 a 03/07), as Operações Tapa-Buracos e de Manutenção estarão nas seguintes localidades: Divinópolis, Cidade Alta, 1º Distrito, Salgado, São João da Escócia, Vassoural, Santa Rosa, Maurício de Nassau e Rendeiras.


Da Assessoria  de Imprensa.

Restrição das atividades econômicas em Caruaru e Bezerros segue até próximo domingo

Foto: Reprodução TV Jornal Caruaru

Segue até o próximo domingo(5) a restrição do funcionamento das atividades econômicas nos municípios de Caruaru e Bezerros – ambos aqui no Agreste. Serão dez dias em que a população das duas cidades só poderá sair de casa para ir a supermercados, farmácias, padarias, postos de gasolina e serviços de saúde. Enquanto o Estado tem reduzido o número de casos e óbitos provocados pela Covid-19, a região registrou aumento expressivo na disseminação da doença.

Os dois municípios foram responsáveis por 71% do aumento de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no Agreste, somente na última semana, quando a região pulou de 267 para 358 casos de SRAG. Em Caruaru, o salto foi de 97 para 152 casos. Já no município de Bezerros, o avanço foi de 27 para 37 casos.O decreto do Governo de Pernambuco foi assinado na terça-feira (23) e as medidas começaram a valer na sexta-feira (26).

“Nossa decisão é de limitar as atividades naquela região de Caruaru e de Bezerros ao máximo possível. Apenas as atividades essenciais estarão liberadas e nós vamos fazer uma restrição nas atividades comerciais, visando reduzir a circulação de pessoas. Temos que reforçar o fique em casa, para que a gente tenha um resultado positivo. Queremos uma redução do R, ou seja, da velocidade de crescimento de casos naquela região. Menos casos graves, menos solicitações de UTI, preservando a saúde e a vida dos moradores tanto de Caruaru quanto de Bezerros”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Nos dois municípios também será permitido, ao longo desses dez dias, o funcionamento das atividades industriais, da construção civil (com 50% da capacidade) e de restaurantes para delivery. André Longo ressaltou a importância da colaboração da população e do poder público local nesse momento. “É fundamental a integração de ações do Estado com os dois municípios e também que a população entenda que é um momento de reforçar o cuidado com a transmissão do vírus, evitando mortes e preservando a saúde das pessoas”, concluiu.

Projeto de Danilo Cabral garante internet e computados para alunos de universidades e institutos federais


Após apresentar projeto para garantir internet e tablets para alunos e professores da educação básica, o deputado federal Danilo Cabral (PSB) protocolou proposta (3527/2020) para recursos para a rede federal de educação profissional, científica e tecnológica para aquisição de computadores e contratação de internet. O objetivo é atender os estudantes que matriculados com renda familiar per capita de até meio salário-mínimo. 

“Estamos falando de um universo de 590 mil estudantes em todo país que têm graves restrições financeiras e, portanto, não têm condições de acompanhar aulas remotas”, justifica Danilo Cabral. O parlamentar destaca que, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, o Ministério da Educação publicou portaria que estabeleceu a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais. “Mas muitas universidades não deram início às aulas remotas, entre outros motivos, por causa das desigualdades socioeconômicas dos alunos”, afirma. 

Segundo dados da Pesquisa Nacional de Perfil Socioeconômico e Cultural dos Graduandos das Instituições Federais de Ensino Superior (2018), produzida pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), 26% dos estudantes matriculados têm  renda familiar per capita de até meio salário-mínimo. Na rede federal de educação profissional, científica e tecnológica, esse percentual sobe para 29,9%, de acordo com PNP 2020. 

“O modelo de ensino híbrido, no contexto da pandemia, será uma necessidade mesmo após a liberação do retorno das atividades das escolas. A conciliação de aulas presenciais e remotas exigirá investimento na melhoria da infraestrutura tecnológica das unidades escolares, bem como a garantia de acesso dos estudantes às ferramentas tecnológicas”, frisa Danilo Cabral. A estimativa, de acordo com o projeto de lei, é de que sejam investidos R$ 1,1 bilhão na iniciativa, caso seja aprovada pelo Congresso Nacional. 

Inclusão digital
O projeto de lei 3.477/2020, apresentado por Danilo Cabral, determina a aquisição de 40 milhões de tablets e 40 milhões de pacotes de dados para professores e estudantes do ensino básico público. Pela proposta, as empresas prestadoras de serviços de telefonia móvel pessoal deverão isentar o consumo ou adicionar quota de dados destinada aos alunos de instituições públicas de educação básica, para realização e acompanhamento de atividades de educação remota, na forma do regulamento. 

O financiamento dessa ação será realizado através do Fust (Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações) , além de doações e de outros recursos previstos na lei orçamentária. O impacto financeiro da proposta deve ser de R$ 26,6 bilhões, incluído o acesso à internet à totalidade de matrículas e de docentes. 

Foto: Chico Ferreira
Da Assessoria de Comunicação. 

quinta-feira, 18 de junho de 2020

Prefeitura de Vertente do Lério paga folha de junho e 1ª parcela do 13º salário dos servidores nesta sexta(19)


Os servidores municipais de Vertente do Lério recebem nesta sexta(19) o salário do mês de junho e a 1ª parcela do 13º salário. De acordo com a Prefeitura, o Município "é o primeiro do país a fazer o pagamento".

"Como fazemos desde o primeiro mês da gestão, assumimos o compromisso com os servidores de Vertente do Lério em realizar o pagamento de seus salários sempre no dia 20 de cada mês. E neste momento de pandemia, mesmo a meio a tantos desafios, queda de receita e a necessidade de maiores investimentos na saúde, nos empenhamos bastante para manter firme o compromisso com todos os funcionários. Então, além de anunciar, que a partir deste dia 19, todos os servidores estarão com o salário de junho nas suas respectivas contas, nossa gestão também anuncia, que largamos na frente mais uma vez, e junto com o salário, iremos pagar a primeira parcela do décimo terceiro salário de todos os servidores da prefeitura de Vertente do Lério. Então, como no ano nós seremos o primeiro município do país a fazer esse pagamento", destacou o secretário municipal de Ação Social, Tássio Saraiva, em entrevista ao radialista Alan Lucena, no programa Plantão de Notícias, da rádio Integração FM.

O valor injetado na economia local, ultrapassa R$ 1 (um) milhão, sendo 836.413,25 (oitocentos e trinta e seis mil, quatrocentos e treze reais e vinte e cinco centavos) da folha líquida e R$ 303.736,36 (trezentos e três mil, setecentos e trinta e seis reais, e trinta e seis centacos) da parcela do décimo.  O município tem cerca de 600 servidores.

A Prefeitura tem feito campanhas educativas de divulgação, pedindo aos moradores para prestigiarem o comércio do município, formado por pequenos empreendimentos, bastante afetados pela crise do Covid-19. "O pagamento antecipado também tem por objetivo fortalecer o comércio local, que vem sendo muito prejudicado por conta da pandemia do Covid-19", completa o secretário. 

CONTAS - esta semana, a prefeitura de Vertente do Lério anunciou a aprovação pelo TCE - Tribunal de Contas de PE - das contas do exercício 2017, primeiro ano da gestão do prefeito Renato Sales.

Da Redação.

SURUBIM: Consumidores com Tarifa Social da Celpe não pagarão Taxa de Iluminação Pública durante pandemia do Covid-19


Os moradores de Surubim "cadastrados na categoria Tarifa Social' da Celpe" terão um alívio na conta de energia no período da pandemia do Covid-19. A Câmara de Vereadores aprovou por unanimidade o projeto de lei encaminhado pela Prefeitura que isenta esses consumidores da Tarifa de Iluminação Pública.

"A isenção terá caráter excepcional é temporário enquanto perdurar o estado de calamidade e situação de emergência de saúde pública. Esta ação vai beneficiar as famílias mais vulneráveis e impactadas pelos efeitos da crise econômica, em meio à pandemia do novo corona vírus, que assola os municípios do Brasil.", informa a Prefeitura de Surubim, na página oficial.

"O objetivo do projeto de lei é ajudar o contribuinte surubinense a passar por este momento tão difícil para a economia durante o combate à pandemia causada pelo coronavírus. Vamos enfrentar essa crise juntos e vamos vencer", disse  a vereadora Ivete do Sindicato(PT).

"É importante a Câmara de Surubim ter aprovado por unanimidade a isenção, porque beneficia famílias carentes, da Tarifa Social. O desconto na conta certamente será bem vindo para o consumidor, e ajuda a aliviar um pouco o bolso de quem mais precisa neste momento de pandemia e crise", afirmou o presidente da Casa, Fabrício Brito.

Ainda de acordo com a proposta aprovada "para receber o benefício, o consumidor deverá estar devidamente cadastrado na Celpe como categoria de Tarifa Social e não poderá ultrapassar os 220 (duzentos e vinte) kWh/mês".

Foto: reprodução Google.

Danilo Cabral diz que novo ministro deve priorizar educação


Com a saída de Abraham Weintraub do Ministério da Educação, nesta segunda-feira (15), o deputado federal Danilo Cabral (PSB) diz esperar que o novo ministro tenha como foco a educação e não o tensionamento com as instituições e as comunidades acadêmica e escolar. Além disso, procure resgatar o papel do MEC na promoção de uma educação pública de qualidade, buscando a integração da União, estados e municípios.

“Em 18 meses de governo, esperamos que o novo ministro seja alguém que cuide verdadeiramente da educação brasileira. Os dois antecessores não cumpriram o papel de quem deveria conduzir a policia de educação do país”, criticou Danilo Cabral. O deputado diz esperar que o novo nome busque colocar a educação como um valor central no desenvolvimento do Brasil. “Agora, quando vivenciamos as consequências da Covid-19 para o país, mais do que nunca, é fundamental termos um ministro que defenda a educação como uma saída estratégica para a reconstrução do Brasil”, afirmou.

Danilo Cabral também defende que o novo ministro reposicione o Plano Nacional da Educação (PNE) como o grande norteador da política de reconstrução do país. “É preciso termos alguém que lute para viabilizar mais recursos para a educação pública brasileira, faça um trabalho integrado e articulado com governadores, prefeitos, universidades, estudantes, trabalhadores da educação, e promova um grande entendimento nacional pela causa da educação”, completou o parlamentar.

Segundo Danilo Cabral, Abraham Weintraub ocupou o cargo apenas para criar tensionamento no ambiente da educação brasileira. O ex-ministro buscou fazer um debate de valores, tensionar a relação com professores, alunos e entidades ligadas à educação. “Sem falar que demonstrou ser um péssimo gestor. Ele sequer conseguiu investir os recursos - R$ 1 bilhão - oriundos da Lava-Jato destinados ao MEC. Aliás, foi o primeiro ministro da história que foi contra o aumento de investimentos na área”, alfinetou.

Danilo Cabral lembrou outros episódios desastrosos da passagem de Weintraub pelo Ministério da Educação, como o Enem de 2019, que foi alvo pela primeira vez de vazamento de informações e a condução das discussões da prova neste ano, com o adiamento da data ocorrendo após muita pressão da sociedade. Por essas e outras, o deputado é autor dos pedidos de impeachment do ex-ministro no Supremo Tribunal Federal e na Câmara Federal, protocolou representações contra ele no Conselho de Ética da Presidência da República e no Ministério Público Federal, além de ter feito convocações em Plenário e na Comissão de Educação. “Agora, precisamos olhar para frente”, diz.

Para Danilo Cabral, um dos desafios imediatos do novo ministro será o planejamento para a retomada das aulas presenciais em todo país. De acordo com o deputado, integrante das comissões de Educação e de Acompanhamento da Volta às Aulas, é urgente a aprovação do plano emergencial para a educação (projeto de lei 3165/2020), que destina R$ 31 bilhões para a área. Os recursos recompõem o impacto da perda da arrecadação na educação.

“O novo ministro também deve participar mais ativamente das discussões sobre o novo Fundeb (Fundo Nacional de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica), que deve entrar na pauta da Câmara dos Deputados nas próximas semanas”, opina Danilo Cabral. O Fundeb é o principal instrumento de financiamento da educação pública do Brasil e expira no final deste ano. Atualmente, 10% do dinheiro do fundo vêm da União. A proposta defendida na comissão especial, da qual o deputado é vice-presidente, estipula que esse percentual suba para 20% até 2026.  


Da Assessoria de Comunicação. 

Governo do Estado implanta programa de dessalinização para abastecer 30 mil pessoas



O governador Paulo Câmara apresentou o cronograma para implantação de sistemas de dessalinização, nesta quinta-feira (18), que definiu o início das obras do Programa Água Doce para a primeira semana de julho. As cidades de Manari (Sertão do Moxotó) e Itaíba, Águas Belas, Iati, Paranatama, Caetés e Capoeiras, no Agreste Meridional, serão as primeiras beneficiadas. Inicialmente, serão instalados 93 sistemas de dessalinização dos 170 previstos, beneficiando cerca de 30 mil pessoas, de um total de 60 mil que passarão a ter acesso à água potável quando a implantação estiver finalizada.
 
Com um investimento de R$ 36,9 milhões, dos quais R$ 3,7 foram desembolsados pelo Estado e R$ 33,2 milhões da União, a previsão para conclusão dos sistemas em 21 municípios é de até dois anos. O secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto, e os prefeitos desses municípios acompanharam a apresentação. 
 
Os municípios com maior dificuldade de acesso à água foram priorizados. Essa escolha levou em consideração o Índice de Criticidade de Acesso à Água (ICA), que contém indicadores, como Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), pluviometria, taxa de mortalidade infantil e intensidade de pobreza.

SOBRE O PROGRAMA - O Programa Água Doce integra um conjunto de ações com foco na melhoria da infraestrutura hídrica no Agreste e Sertão do Estado. Além dos sistemas de dessalinização, estão em curso o Programa de Integração do São Francisco (PISF), que beneficiará 12 mil pessoas residentes em comunidades localizadas em um raio de até cinco quilômetros de distância dos canais Norte e Leste da Transposição, e a implantação de cisternas e perfuração de poços.

 Foto: Paulo de Araújo/MMA

quarta-feira, 17 de junho de 2020

SURUBIM: Justiça Federal garante reforço de R$ 20 milhões no orçamento 2021 para professores e escolas municipais






A Prefeitura de Surubim vai receber mais de R$ 20 milhões para reforçar o orçamento da educação municipal, no próximo ano. O dinheiro chegará por meio "cumprimento de sentença da 7a Vara Federal" repõe perdas salarial e de custeio da educação provocadas pelo "cenário econômico", no ano de 2014, na gestão do então prefeito Tulio Vieira. A decisão da Justiça ocorreu nesta segunda(15).

Os recursos serão pagos pela União, mediante "a expedição de precatório a favor do município, a quantia de R$ 20.416.583,65 (vinte milhões, quatrocentos e dezesseis mil, quinhentos e oitenta e três reais e sessenta e cinco centavos), atualizada em 11/2014, com retenção de honorários contratuais de 20%"  

De acordo com o ex-prefeito, Tulio Vieira, "na época, por conta do cenário da economia, o governo federal não repassou esses recursos, que estavam previstos em Lei, e por conta dessa diferença que não foi paga, professores acumularam perda salarial e o município, perdeu dinheiro para reformas das escolas e compra de equipamentos,  também acumulou essa diferença. Então, fomos procurados pelo sindicato dos Professores e, como a situação acontecia em várias cidades, procuramos a Amupe [Associação Municipalista de PE] e fomos orientados a procurar um escritório especializado, que já atendia aos municípios neste caso. Com essa ação coletiva, várias prefeituras receberam esses recursos, por decisão da Justiça, e esta semana, tivemos a satisfação de sair a sentença favorável a Surubim", afirmou por telefone, ao Blog.

Ainda de acordo com ex-prefeito, "estima-se que o valor atualizado deve chegar aos R$ 30 milhões, e vai chegar no orçamento do Município no próximo ano. Os municípios estão aplicando seguindo normas do TCU [Tribunal de Contas da União], por se tratar de verba federal. A norma que prevalece é usar seguindo os percentuais do Fundef [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério], ou seja, 60% para pagamento dos professores e 40% para custeio das escolas. Os sindicatos são ouvidos, fazem buscas de informações dos professores que trabalharam na época, porque muitos se aposentam, embora a maioria seja efetivo. Mas, a ideia é não prejudicar ninguém. Independente de quem seja o próximo prefeito, e espero que seja eu, o importante é que o dinheiro seja repassado ao professor com transparência e respeito, e o que couber ao município também seja investido com responsabilidade e zelo", completa.



Tulio Vieira anunciou a decisão judicial em uma 'live' no Facebook sobre Educação, na página oficial do agora pré-candidato do Podemos, na disputa pela Prefeitura de Surubim.     





Da Redação, Alberico Cassiano.

Governo de Pernambuco distribui mais um milhão de máscaras à população


O Governo de Pernambuco obteve, nesta quarta-feira (17.06), mais um reforço na luta contra a disseminação do novo coronavírus, ao receber do Banco Itaú, por meio do projeto Todos pela Saúde, a doação de um milhão de máscaras de tecido, que serão direcionadas à população pernambucana. O material foi repassado para a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) que, em parceria com a organização de responsabilidade social Regra 3, distribuirá os EPIs para os 85 municípios do Estado onde o número de casos confirmados e óbitos por Covid-19 e da demanda por leitos no sistema de saúde ainda não apresentaram uma redução significativa. A intenção é reforçar a prevenção nessas cidades que não avançaram para a terceira etapa do Plano de Convivência com a Covid-19.

O quantitativo de máscaras para cada cidade será definido levando em consideração fatores como o número de habitantes e de casos confirmados da doença. A distribuição varia entre três mil e 50 mil unidades por município. A logística de entrega, também uma doação da empresa Ebrasil, começará ainda este mês. Uma vez nos municípios, caberá às Unidade
s Básicas de Saúde (UBS) a responsabilidade pela distribuição direta à população.


Além desses 85 municípios, as máscaras serão distribuídas também à população indígena, que receberá 110 mil itens de proteção individual. Os movimentos sociais da Região Metropolitana do Recife serão beneficiados com 150 mil máscaras, e nos terminais de transporte intermunicipal serão distribuídas 34 mil unidades. As máscaras são feitas de tecido e seguem as recomendações dos órgãos de vigilância sanitária, podendo ser reutilizadas após a lavagem. 

O secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Sileno Guedes, destacou a importância da doação, feita pelo projeto Todos pela Saúde, em um momento em que o Estado inicia a retomada das atividades. “A máscara passou a ser um item obrigatório e essencial no combate à disseminação do vírus, mas sabemos que muitas pessoas ainda não têm condições de adquirir diversas máscaras para o uso no dia a dia. Neste momento, é primordial que a população esteja mais protegida, com esse tipo de equipamento. Com essa doação, poderemos chegar à parcela mais vulnerável da população do Estado, garantindo essa proteção”, enfatizou, agradecendo às equipes do Banco Itaú, da Regra 3 e da Ebrasil pelo apoio e solidariedade.

De acordo com Claudia Politanski, vice-presidente do Itaú Unibanco, a identificação das necessidades e prioridades de cada Estado é feita por meio dos gabinetes de crise constituídos em todo o Brasil. “Para que essas doações aconteçam, tem sido muito importante a parceria do Todos pela Saúde com os governos estaduais e municipais, a exemplo do que acontece em Pernambuco”, afirmou.

Já a Sócia Diretora da Regra 3, Karla Paes, contou como firmou a parceria com a  Ebrasil para garantir a logística. A empresa é responsável pela campanha Máscara para Todos, que já doou mais de 100 mil máscaras desde o início da mobilização, com trabalho totalmente voluntário. “Não poderia ser diferente com a doação do Itaú. O custo da logística teria que ser patrocinado por algum parceiro. A Ebrasil, que já é cliente da Regra3, quando soube do nosso desafio se prontificou em assumir toda logística de distribuição. Agora, nosso terceiro desafio será fazer essa entrega em 10 dias, pois nosso lema sempre foi ‘Mascara parada é vida desprotegida’", concluiu.

Fotos: Marcelo Vidal / SDSCJ

Governo do Estado oferece cuidados para mais de 24 mil famílias na RMR


Em nova fase de enfrentamento à pandemia, o Governo do Estado une esforços com a Central Única das Favelas em Pernambuco (Cufa-PE) para beneficiar cerca 24 mil famílias, que corresponde a aproximadamente 120 mil pessoas, de 480 comunidades da Região Metropolitana do Recife (RMR), com distribuição de máscaras de tecido e itens de higiene, além de informações sobre cuidados pessoais. A iniciativa acontece por meio da Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas. 

“Nesse momento, onde o Estado está discutindo a reabertura gradual da economia e a volta da convivência, essa fase do nosso projeto fala sobre melhorar os fatores de proteção, a mobilização social, fazer com que tenhamos efetiva condição de voltar à convivência e enfrentar o problema da pandemia”, afirmou Cloves Benevides, secretário de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas.


Além da Cufa - PE, a empresa Uber também se uniu à ação. A Uber realizará cerca de duas mil viagens nesta operação para distribuir um kit comunitário em cada área de vulnerabilidade social. O material é entregue pelo líder social, de porta em porta, para cerca de 50 famílias. Cada kit possui 300 máscaras, 72 sabonetes e material gráfico informativo. Além desses itens, serão instaladas pias públicas nas localidades.

Luiz Oliveira, de 75 anos, morador do Vasco da Gama, comunidade da Zona Norte do Recife, sabe a importância da prevenção em tempos de pandemia e agradece o reforço nos cuidados. “Agradeço de todo coração por essas pessoas. Com esse problema que está acontecendo, o coronavírus, eu me previno, saio de casa com luva, álcool em gel. Agora, com essa doação vai ajudar mais com certeza, mais do que nunca para prevenir a minha saúde, da minha família e dos vizinhos”, afirmou o aposentado. 

Para o líder comunitário desta área, Romero Ferreira, é fundamental conscientizar as pessoas e oferecer um material de proteção adequado. “A pandemia não se extinguiu ainda. O vírus está em foco. Temos uma decrescente, mas temos que dar continuidade e para as comunidades em si é muito importante, tendo em vista que nem todos tem o poder aquisitivo de desembolsar R$ 5 ou R$ 7 pra fazer aquisição de uma máscara, por exemplo, e continuar se protegendo”, finalizou Romero.

Fotos: Hélia Scheppa/SEI.

terça-feira, 16 de junho de 2020

ELEIÇÕES 2020: Quem são os nomes mais cotados para vice na disputa pela Prefeitura de Surubim?

VICE: Eduardo Mota(Ana Célia), Patrícia Lafayette(Flávio Nóbrega) e Fábio Barbosa(Tulio Vieira) são mais cotados

A escolha do vice para compor as três chapas majoritárias com maior densidade eleitoral na corrida pela prefeitura de Surubim está movimentando os bastidores da política local. Como já são conhecidos do eleitorado, a prefeita Ana Célia Farias(PSB), que tenta a reeleição, e os ex-prefeitos Flávio Nóbrega(PRB) e Tulio Vieira(Podemos) podem agregar tentam encontrar um bom nome para vice e estrategicamente potencializar a candidatura.

Nossa reportagem "conversou em reserva", com integrantes da linha de frente das três candidaturas sobre as articulações e possibilidades de composição das chapas majoritárias. "As declarações das fontes estão entre aspas" no texto da reportagem. 


MÉDICO - Roberto Mateus e Eduardo Mota  são alternativas para vice socialista

Rompida politicamente com o ex-prefeito Flávio Nóbrega, que indicou o filho, Guilherme Nóbrega, para vice da atual gestão, a prefeita Ana Célia Farias(PSB) busca um nome capaz de renovar a campanha da reeleição. 
O preferido dos socialistas é "Eduardo Mota, filho do ex-deputado Nilton Mota". "Ele tem participado de vários eventos em Surubim, pode ser o vice e é candidato a deputado estadual em 2022". Outra possibilidade seria o "médico Roberto Mateus", que nunca disputou cargo político e "soma credibilidade, sobretudo na área da saúde". 


VEREADORA: Véia de Aprígio disputa reeleição tida como certa

Também foi colocado o nome da vereadora Véia de Aprígio, que tem densidade eleitoral nas camadas populares, sobretudo na zona rural. Nossa reportagem apurou, entretanto, que ela disputa reeleição porque "não trocaria o certo pelo duvidoso". Mais votada em 2016 com 2.451 votos, a reeleição dela é tida como certa nos bastidores.    


"SEM-CONFUSÃO" - Ana Célia pode ter prima, Patrícia Lafayette, vice de Flávio Nóbrega

O médico Flávio Nóbrega(PRB) não tem pressa para anunciar o vice. Caso as pesquisas para consumo interno o apontem como favorito e com vantagem, qualquer um poderia ocupar a vice. Mas a "composição deve ocorrer com cuidado para não queimar a chapa". Então a ideia é fazer uma escolha estratégica. Assim, o nome mais cotado é o da advogada Patrícia Lafayette. Por garantir a "presença feminina na chapa, ser um nome leve, estreante na política e prima da prefeita", o que poderia garantir uma "campanha sem confusão". Ela é esposa do vereador Fred Lafayette e foi secretária de Obras na segunda gestão Nóbrega.  

OROBÓ - prefeito Cléber Chaparral tem postulantes a vice em Surubim

Também haveria a possibilidade do vice ser diretamente ligado ao prefeito de Orobó, Cléber Chaparral. Neste caso, disputaria a vice, ou o proprietário de uma construtura que executa obras para prefeitura de Orobó, Vagner, ou o ex-secretário municipal de Saúde,Izaldo Andrade. 



COMPANHEIROS - Fábio Barbosa foi vice quando Tulio Vieira ganhou em 2012

Por sua vez, a candidatura ex-prefeito Tulio Vieira pensa "repetir a chapa que ganhou a eleição de 2012" e ter como vice o empresário "Fábio Barbosa", diretor da rádio Integração FM. O ex-vice prefeito de Surubim e o irmão, ex-prefeito Murilo, são herdeiros político do ex-deputado Geraldo Barbosa. Fábio Barbosa não disputou reeleição com Tulio Vieira porque teve a direção do partido tomada. Sem arestas, tem bom trânsito nos meios político e empresarial. Agora, "só não disputa se não quiser". A ideia de acordo com os entusiastas é relançar "a dupla e mostrar ao eleitor que não se mexe em time que ganhou". 


DEPUTADO - dr. Valdir pode ser vice, a exemplo do pastor Melqui Ferreira

Caso Fábio Barbosa prefira não disputar, a candidatura Tulio Vieira avalia várias possibilidades. 
O ex-deputado estadual dr.Valdir(PP), pode retirara a candidatura a prefeito e compor a chapa do Podemos. "As cúpulas dos partidos já conversaram e não está descartado dr. Valdi na vice". Outra possibilidade da candidatura Tulio Vieira é ter um "vice do segmento evangélico.  e ter como vice o pastor Melqui Ferreira, filiado ao PSDB". A possível coligação com os tucanos "também já foi conversada".        


COMÉRCIO - empresário João Paulo Leal e Ivonaldo Barbosa são nomes do empresariado cotados para vice
Outra alternativa que corre por fora, é convocar "um vice do comércio local". Neste caso, os maios cotados seriam os dos empresários "João Paulo Leal", do segmento agropecuário, ou "Ivonaldo Barbosa, do supermercado Bompreço", que se "filiaram ao Podemos". 

De acordo com o calendário eleitoral, as convenções partidárias que definem os candidatos estão previstas para ocorrerem entre 20 de julho e 5 de agosto. Por conta da pandemia do Covid-19, as convenções vão ocorrer de forma virtual para evitar aglomeração. As eleições devem ser adiadas, porém realizadas ainda este ano, entre 15 de novembro e 20 de dezembro. A nova data deve ser aprovada pelo Congresso Nacional.

Fotos: Reprodução Google/Facebook.
Da Redação, Alberico Cassiano.

BRASÍLIA: Deputado solicita informações sobre presença militar no governo federal


O deputado Danilo Cabral (PSB) protocolou pedido de informação sobre a presença de militares da ativa e da reserva no governo Jair Bolsonaro. Só no primeiro escalão, são nove ministros militares, entre os 22 em exercício. Para o parlamentar, a ocupação de cargos de natureza civil por integrantes das Forças Armadas contribui para a ideologização de uma instituição que deveria atuar como garantidora dos poderes constitucionais. 

"O papel das Forças Armadas é a garantia da democracia, dos valores presentes na Constituição, do Estado Democrático de Direito. Elas não servem ao presidente, a governo específico, servem ao país”, afirmou Danilo Cabral. O parlamentar diz que os diversos números divulgados sobre a presença militar no governo federal apontam para um cenário de expansão inédita da ocupação de cargos de natureza civil por militares da reserva e da ativa, o que justifica o pedido de informação. 

Além da quantidade de militares ocupam cargos ou funções na  Administração Pública Federal direta, autárquica, fundacional, nas empresas públicas, sociedades de economia mista e em órgãos colegiados, há questionamentos sobre os militares nos cargos de natureza especial, do grupo-direção e assessoramento superiores, e as funções de confiança. O parlamentar solicitou  nomes e remuneração de todos eles. 

Os questionamentos também são dirigidos aos dados dos militares da ativa e da reserva que ocupam cargos ou funções nas empresas públicas ou sociedade de economia mista e participam de conselhos de administração ou outros órgãos colegiados de empresas públicas ou sociedade de economia mista. 

"Quando os militares passam a fazer parte do governo, politiza-se a instituição e a separação entre sua missão institucional e os objetivos das forças políticas que estão no governo, vai se tornando mais difícil, especialmente quando se combinam membros da reserva e da ativa”, afirmou Danilo Cabral. 

O pedido foi direcionado ao Ministério da Economia nesta terça-feira (16), que tem 30 dias para respondê-lo a partir do seu recebimento, sob o risco de crime de improbidade. 

Foto: Chico Ferreira 
Da Assessoria de Comunicação.

segunda-feira, 15 de junho de 2020

COVID-19: Glória de Goitá inaugura Hospital de Campanha com 32 leitos


A Prefeitura de Glória do Goitá inaugurou o Hospital de Campanha Provisório para atendimentos exclusivos da Covid-19. A unidade começou a funcionar neste final de semana, na casa da Fazenda Boa Esperança, espólio de Fernanda Dornelas Câmara Paes, sem nenhum custo aos cofres públicos. 

No dia 4 de junho, a Prefeitura Municipal garantiu na Justiça a revogação da liminar, que suspendia a instalação do Hospital de Campanha. Na sua decisão, o juiz da Comarca de Glória do Goitá, Gabriel Araújo Pimentel, faz menção ao suposto enriquecimento ilícito alegado e não provado pelos autores, conforme descrito abaixo: “Conforme se observa na certidão de ID nº 62994386 e nas fotografias anexadas pelo Oficial de Justiça, o Hospital de Campanha está praticamente pronto para ser inaugurado, necessitando de serviços simples como retirada de entulhos, limpeza e pequenos reparos, não havendo mais necessidade de reformas estruturais”. 

Os vereadores oposicionistas (Autores da Ação), não conseguindo provar tais acusações, pediram ao juiz sigilo no processo, o qual foi negado pelo magistrado: “Indefiro o pedido formulado pelos Autores de decretação do sigilo do presente processo, justamente por se tratar de matéria de interesse público”.

Ainda corroborando seu entendimento, o magistrado afirma que o Poder Judiciário não pode se basear em ilações e que os atos administrativos gozam de veracidade e de legitimidade, finalizando a decisão que REVOGA a Liminar com a seguinte frase: “A pandemia da Covid-19 não espera”.

O Hospital de Campanha contará com 32 leitos de enfermaria e está totalmente equipado para atender as necessidades de maiores complexidades, com 05 respiradores e sala de estabilização.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde são 58 profissionais envolvidos entre médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, fisioterapeutas, nutricionistas, maqueiros, auxiliar de farmácia, serviços gerais, seguranças e outros, que irão se revezar em plantões.

Foto: Divulgação/Prefeitura
Fonte: Assessoria de Imprensa.

sexta-feira, 12 de junho de 2020

Governo do Estado contabiliza mais de sete mil atendimentos no combate à Covid-19


O governador Paulo Câmara fez, nesta sexta-feira (12.06), um balanço dos três últimos meses de ações voltadas para o combate à pandemia do novo coronavírus. Segundo o gestor estadual, mais de sete mil pernambucanos receberam atendimento nos 1,6 mil leitos criados em todas as regiões do Estado, sendo 700 de UTI e 900 de enfermaria. Além disso, o governador informou ainda, que o Hospital Universitário Oswaldo Cruz registrou no dia de hoje a milésima alta médica de um paciente internado com o coronavírus. 

“Estes números refletem as vidas que foram salvas e justificam qualquer esforço realizado. Foi também uma marca muito importante para o enfrentamento à Covid-19, atingida pelo nosso hospital universitário. Parabenizo todos os profissionais que têm se dedicado, tanto no Oswaldo Cruz, quanto em todas as unidades de saúde, na linha de frente do combate ao novo coronavírus”, disse o governador. 

Ainda de acordo com Paulo Câmara, a expansão da rede de saúde no interior continua. “Hoje entrou em operação o hospital da campanha de Caruaru. Os primeiros 20 leitos estão em funcionamento e nos próximos 30 dias deveremos atingir a capacidade máxima, que é de 100 vagas”, assegurou o chefe do Executivo Estadual. Nos próximos dias, o Governo do Estado vai abrir os hospitais de campanha de Serra Talhada e de Petrolina, com 100 leitos, cada. 

O governador pontuou ainda que o Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19 entra em uma nova fase na próxima segunda-feira, dia 15, com a abertura do comércio de rua e dos salões de beleza e estética. No entanto, alertou para a observação das curvas de contágio que são determinantes para este planejamento. “Não vamos hesitar em fazer alterações, de acordo com as orientações das autoridades de saúde e científicas. Como já fizemos ao decidir que 85 cidades das Matas Sul e Norte e de parte do Agreste permaneceriam sem flexibilizar as medidas restritivas”, finalizou.

Da Assessoria de Imprensa.