terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Polícia vai analisar imagens de câmeras de segurança para identificar ladrões que arrombaram supermercado e roubaram R$ 32 mil do cofre


Em meio a calmaria do feriado do carnaval em Surubim, ladrões arrombaram o Supermercado Todo Dia, na avenida São Sebastião.

De acordo com informações da empresa, os bandidos entraram na loja derrubando uma parede. A ação criminosa ocorreu no final de semana e só foi percebida quando um funcionário chegou para trabalhar, nesta segunda-feira (27). 

Os ladrões roubaram R$ 32.542,69 que estavam no cofre. A ocorrência policial foi registrada pela equipe da PM formada pelo sargento Genilson, cabo Manoel e soldado Márcio Lopes. 

O caso deve ser investigado pela delegacia de Surubim. A Polícia vai analisar imagens de câmeras de segurança para tentar identificar os assaltantes.

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Surubim em peso viaja e ruas ficam desertas no carnaval. Mas este ano, crise e violência deixaram muitos moradores em casa


Surubim já não é a mesma cidade. Os sinais de que a maioria dos moradores partiu para os polos do carnaval ou para as praias são evidentes. As ruas já estão praticamente desertas. Entretanto, ao contrário de anos anteriores, as casas podem estar mais habitadas. É que muitos decidiram ficar em Surubim, motivados pela crise ou pelo medo da violência.

A auxiliar de consultório odontológico Maria Santos, depois de passar vinte carnavais fora de Surubim, este ano, ela vai ficar em casa. “Viajava desde os quinze anos. Tenho 35 anos, e eu e minha família vamos ficar por falta de segurança. Muita gente que conheço vai ficar, por medo de viajar e os marginais saquearem nossas casas, enquanto estivermos viajando, embora essa crise tenha afetado todo mundo”, afirma.  

A crise também afastou a jornalista Débora Lima da folia este ano. “A violência é um ponto negativo, mas se a gente for pensar nisso, nem sairíamos de casa. É a crise mesmo. Esse ano o dinheiro não vai dar, apesar de dois empregos, são gastos inesperados, IPVA para pagar, então não tem dias viajando ou nem a folia das ruas de Olinda e do Recife. Serão dias descansando, colocando trabalhos em dia e vendo séries da Netflix”, conta.


O Blog também pediu a opinião dos internautas, que postaram comentários no facebook.

Bernardo Bernardo: Acho que devido à violência, porque pra carnaval não existe crise. O medo é sair pra brincar o carnaval e encontrar a casa arrombada.

Junior Costa: Não é nem por conta de dinheiro, mas e sim por conta da violência; carnaval já foi bom.

Jaqueline Silva: Por causa da violência.

Ana Barbosa oxe eu não vou não, Recife é um arrastão por metro quadrado e Olinda tá mais violenta que o presidio de Manaus, um caos de carnaval.

Kassia Silva:  Por causa da falta de segurança.

Débora Ótica: Violência pq ninguém pode nem respirar mais.

Lucinaldo Luiz: Por causa de violência.

Deco Himura: No período de carnaval, eu não vou mais pra Olinda e Recife Antigo devido à violência existente, mesmo sabendo que terá policiamento adicional pelo governo de PE. Aderi ficar em praia sem folia, apenas descanso com família e amigos.

Waltter Borges Borges Os dois andam colados, e se analisar o mais pesado é o bolso, porque com o bolso cheio, o lugar você escolhe, o Rio ou a Mulher da Sobrinha, de Catende ou o Bloco dos Patos, em Salgadinho.

Dilza Souza: A crise tá grande, mas a violência esta pior.

Marcela Silva: Por causa da violência.

CARNAVAL DO JUCÁ  – com a cidade praticamente deserta, o Carnaval de Surubim, no período oficial, acontece na localidade do Jucá Ferrado.

De acordo com a programação da Prefeitura de Surubim, neste sábado (25), ‘a partir das 19h, tem orquestra de frevo e a Banda Mistura Fina. No domingo (26), a festa começa pela manhã, às 10h, com orquestra de frevo, e às 16h, shows com Metido a Cantor e Esquema do Arrocha. Na segunda (27), às 10h, orquestra de frevo e shows com Mistura Fina e Metido a Cantor. E na terça-feira (28), às 10h, tem orquestra de frevo e às 16h, shows com Pessoa do Nascimento, Mistura Fina e Alex Nascimento’.





João Alfredo realiza o mais tradicional Carnaval do Agreste Setentrional

           
Ao contrário da maioria dos municípios do interior pernambucano, que se transforma em ‘cidade fantasma’, durante a folia de Momo, quando a maior parte dos moradores vai para o litoral, João Alfredo mantém a tradição e realiza o mais movimentado Carnaval do Agreste Setentrional. Deste sábado até a terça gorda, os moradores da região que não viajam, brincam em João Alfredo.

A abertura oficial acontece na noite deste sábado (25), no palco da estrutura montada na rua coronel José Ferreira da Silva, no Centro da cidade (confira programação completa abaixo). Este ano, a festa tem como homenageado Beto Justino, organizador do Bacalhau do Beto, bloco tradicional do carnaval local.

A cultura popular estará mais forte na festa. Pela primeira vez, o carnaval da cidade feliz promove o Cortejo da Cultura Popular, no domingo, a partir das 8h30. Vão se apresentar grupos folclóricos locais, caboclinhos, maracatus e boi bumbá. Entre as atrações, Banda Curica de Goiana, Tribo de Bonecos de Seu Malaquias, Maracatu Estrela de Ouro de Aliança, Caboclinhos Sete Fechas, Clube Carnavalesco Cariri e Caboclinho Canindé de Olinda.

O evento terá shows artísticos no palco principal, bem como com a alegria e irreverência dos cerca de vinte blocos particulares, que desfilam espontaneamente, com horários e percursos próprios. Entre as atrações, ainda no domingo, se apresenta o tradicional Bloco Zé Pereira, de João Alfredo. Na noite da segunda, outro artista da terra, Nelson do Acordeon, com repertório de frevo ‘Elétrico’, promete não deixar ninguém parado. Na terça, a cantora Nena Queiroga, uma das mais conceituadas artistas da cultura pernambucana, traz toda sua animação para o folião.

Para garantir a tranquilidade e comodidade do público, a segurança da festa será feita pela Polícia Miliar e apoio de seguranças particulares, contratados pela Prefeitura. Também estarão disponíveis banheiros químicos, ponto de apoio do Samu – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, Hospital Municipal, com urgência 24 horas, distribuição de preservativos e equipes da Vigilância Sanitária. O Carnaval de João Alfredo tem o apoio da Fundarpe – do Governo do estado.

Confira a programação completa:  



CARNAVAL 2017 - JOÃO ALFREDO
Homenageado Beto Justino, do Bacalhau do Beto

Local : Corredor / Palco da Folia : rua coronel José Ferreira da Silva, no Centro

Sábado (25) 
20h00 - Desfile dos Blocos: o Bonde, os Mascarados, Flor da Idade, Zé Pereira e Maracatu.   Concentração no Clube Municipal, 

21h00 -  Abertura Oficial do Carnaval 2017, show com Valda Sedícias e Banda e Sanriah. 

Domingo (26)
08h30 -  Cortejo da Cultura Popular : Encontro de Caboclinhos, Maracutus e Boi Bumbá

Apresentação de Grupos Folclóricos de João Alfredo, Banda Curica de Goiana, Tribo de Bonecos de Seu Malaquias de Olinda,  Maracatu Estrela de Ouro de Aliança, Caboclinhos Sete Flechas de Olinda, Clube Carnavalesco Cariri de Recife e Caboclinho Canindé de Olinda.

Shows :
14h30 - Banda Só Zoeira
16h30 - Fama Elétrico
18h00 - Zé Pereira
20h00 - Anjos Elétrico

Segunda-Feira (27)
15h00 – Lili Monteiro e Forró da Coisa Fina
17h00 – Banda Luará
19h00 – K-ERA e Banda
21h00 – Nelson Elétrico

Terça (28)
15h00 – Bruno Fagundes
17h00 – Nena Queiroga
19h00 – Bicho do Mato

21h00 – Banda Harksayth





sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Número de assaltos a ônibus sobe 135,9% em Pernambuco, diz Polícia Civil

Entre 1º de janeiro e 22 de fevereiro de 2017, ocorreram 335 crimes. No mesmo período de 2016, foram notificados 142 casos. Número de ocorrências mais do que dobrou no período.


O número de assaltos a ônibus subiu 135,9% em Pernambuco, nos primeiros dias de 2017. Os dados, anunciados nesta sexta-feira (24) pela Polícia Civil de Pernambuco, são relativos ao intervalo compreendido entre 1º de janeiro e 22 de fevereiro deste ano, em relação ao mesmo período de 2016. 

De acordo com a polícia, nos primeiros dias de 2016, foram registradas 142 ocorrências. No mesmo período de 2017, a polícia contabilizou 335 ações criminosas. Isso significa que, no período, mais que dobrou a incidência desse tipo de crime no estado. 

A média diária de fevereiro deste ano, contando os dados até a quarta-feira (22), chegou a 6. Na capital pernambucana, ocorreram 62 assaltos a ônibus, até 22 de fevereiro deste ano. O Grande Recife contabilizou 73. No interior, houve registro de uma ocorrência.

Em agosto do ano passado, a Polícia Civil (PC) de Pernambuco criou uma força tarefa para investigar os assaltos a ônibus na Região Metropolitana do Recife, intitulada 'Viagem Segura, atuando nos focos de assalto, os locais onde há maior incidência do crime e nos quais o tipo de investida dos criminosos é semelhante. Comandante do 13º Batalhão de Polícia Militar, o tenente-coronel Daniel Dias explica que, para maior efetividade das investigações, é essencial a instalação de câmeras de alta definição nos coletivos.

"Trabalhamos com pequenos detalhes, que podem identificar os suspeitos de assaltos a ônibus. A cor do cabelo, uma tatuagem, as roupas, tudo isso é importante para coibir as investidas. Trabalhamos com estatísticas e, por isso, também é importante que seja registrado o boletim de ocorrência pelas vítimas", explicou o comandante.

Fonte: G1 PE.

Folião conta com botão do pânico para alertar polícia para ações criminosas no carnaval em PE

Ferramenta, disponibilizada pelo aplicativo CittaMobi, vale para casos de roubos, furtos e assédio sexual, no Grande Recife. É possível enviar mensagem diretamente para o centro de operações da SDS (Ciods).


O folião que for brincar o carnaval no Grande Recife conta com mais uma ferramenta para garantir a segurança dele e da população. Com base na localização, um botão do pânico envia um alerta imediato ao Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciods). A ferramenta, disponibilizada pelo aplicativo CittaMobi, vale para casos de roubos, furtos e assédio sexual. 

Ao ser acionado, o Ciods encaminha a viatura policial que estiver mais próxima do local do crime. A intenção é agilizar a ação da polícia e interceptação dos suspeitos. 

“O folião aperta o botão em qualquer situação de emergência que ele ache que é preciso a atuação da polícia”, pontuou o secretário executivo de Defesa Social, João Luiz Araújo. 

Para ter essa ferramenta o folião precisa baixar o aplicativo da CittaMobi. Disponível tanto para dispositivos IOS e Androide, a plataforma é gratuita. O aplicativo ainda mostra a previsão de chegada dos ônibus e o trânsito. 

A campanha do botão do pânico é uma parceria entre o governo do estado, o aplicativo e a Urbana-PE. “É preciso se cadastrar no aplicativo para evitar trotes. Após isso, qualquer cidadão comum poderá acionar ao identificar uma situação estranha”, afirma João Luiz.

Fonte: G1 PE.


Ministério da Integração Nacional reconhece estado de emergência em 70 municípios de PE, incluindo todo Agreste Setentrional

Barragem de Jucazinho, em Surubim, secou devido à estiagem (Foto: Reprodução/TV Globo)
O Ministério da Integração Nacional reconheceu situação de emergência em 70 municípios de Pernambuco. A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (24) e permite que as prefeituras das cidades que estão sofrendo com a estiagem tenham acesso a recursos da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec).
De acordo com o ministério, o reconhecimento do órgão é o primeiro passo para que os municípios possam obter apoio material e financeiro do Governo Federal.
Os municípios que estão sofrendo com a estiagem são os seguintes: 
Todos os 19 do Agreste Setentrional : Bom Jardim, Casinhas, Cumaru, Feira Nova, Frei Miguelinho, João Alfredo, Limoeiro, Machados, Orobó, Passira, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, Salgadinho, São Vicente Ferrer, Surubim, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertente do Lério e Vertentes.
Além de Agrestina, Águas Belas, Alagoinha, Altinho, Angeklin, Belo Jardim, Bom Conselho,  Bonito, Brejão, Brejo da Madre de Deus, Buíque, Cachoeirinha, Caetés, Calçado, Camocim de São Félix, Canhotinho, Capoeiras, Caruaru, Correntes, Cupira, Feira Nova, Garanhuns, Gravatá, Iati, Ibirajuba, Itaíba, Jataúba, Jucati, Jupi, Jurema, Lagoa do Ouro, Lagos dos Gatos, Lajedo, Palmeirina, Panelas, Paranatama, Pedra, Pesqueira, Porção, Riacho das Almas, Sairé, Saloá, Sanharó, São Bento do Una, São Caetano, São João, São Joaquim do Monte, Tacaimbó, Terezinha, Tupanatinga e Venturosa.
Fonte: G1 PE

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

JOÃO ALFREDO: Prefeitura inaugura abastecimento d'água em Comunidade Quilombola


A dona de casa Eronilda Josefa conhece na própria pele o sofrimento de conviver com a falta d'água diariamente. Mãe de três filhos, ela mora na comunidade quilombola de Brejinhos, zona rural de João Alfredo.

A exemplo de milhares de mães de família, moradoras das regiões afetadas pela seca, por diversas vezes, ela já teve que botar a 'lata d'água na cabeça' para garantir o abastecimento da casa.

"Saia de casa e ia buscar na lata, onde tivesse. Com certeza, agora, melhorou muito, porque acabou esse negócio de carregar água na cabeça", comemora.

A melhoria a qual a dona de casa se refere, foi a instalação do Sistema Simplificado de Abastecimento d'Água de Brejinhos, inaugurado pela Prefeitura de João Alfredo, que capta água de um poço artesiano, leva para um reservatório e garante água encanada para todas as casas da comunidade.


"É uma 'pequena' obra, mas de grande significado",  sintetizou o vice-prefeito Zeca Falcão, durante a solenidade de inauguração, prestigiada pelos moradores.


A dona Givanilda Luzinete nasceu em Brejinhos e, há 37 anos convivia com as dificuldades da falta d'água. Ela destaca que o importante do sistema é garantir água para todos. "Agora é ligar o registro e mandar água para todas as casas. Com água em casa, a vida da gente se renova, porque com água numa casa á gente pode fazer tudo", afirma.


O casal Edson Vieira e Marinete Severina de Souza moram do Sítio Oiteiro, comunidade vizinha, que também recebeu um Sistema de Abastecimento Simplificado d' Água, e fez questão de prestigiar a inauguração.

"Fica mais fácil, principalmente porque ninguém mais precisa comprar água. Acabou essa despesa. Agora as pessoas ficam até com dinheiro para comprar reservatório, para guardar água direitinho", diz a dona de casa. "Melhora muito também a questão da saúde dos moradores", completa ele.


GRATIDÃO - a prefeita Maria Sebastiana destacou a força da comunidade na importante conquista da água e anunciou novas ações da Prefeitura na localidade.

" Eu estou super feliz e grata pela oportunidade de cumprir minha obrigação de prefeita. Fico muito feliz porque 300 famílias agora vão poder contar com água encanada. Fico feliz porque as mulheres vão poder abrir a torneira e ter água, uma água que é para atender a todos. Aqui em Brejinhos, a comunidade, principalmente com a Escola Heliodoro Gonçalves, tem tido um papel importante na luta para melhorar a vida do povo. Vamos, até a primeira quinzena de abril, melhorar a iluminação pública e deixar a praça da comunidade organizada, e desde já vou pedir a parceria de todos para nos ajudar a manter o espaço e fiscalizar para não que se quebre nada. Até julho, o posto de Saúde vai receber novos equipamentos, e no próximo ano, vamos construir a quadra de esportes da comunidade, porque o povo sabe que, juntos somos fortes", afirmou.


SALÁRIOS - ainda em Brejinhos, a prefeita Maria Sebastiana anunciou que, mesmo com a crise, João Alfredo vai manter a tradição de realizar o Carnaval e anunciou o pagamento do mês de fevereiro dos servidores para esta quinta (23).

"Com muito empenho, estamos realizando obras e mantendo a Prefeitura de João Alfredo com as contas pagas e as finanças organizadas, sempre com muita responsabilidade. É claro que neste momento de crise, não temos condições de gastar muito com o carnaval, mas com parcerias, vamos fazer a tradição de João Alfredo de fazer um lindo Carnaval, aqui na região, com muita paz e alegria. E também, antes do carnaval, no dia 23, vamos fazer o pagamento de fevereiro do funcionalismo. Na quinta feira, antes do carnaval, o salário do servidor está na conta", completou a prefeita.  


Fonte: Assessoria de Imprensa

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

30 ANOS DEPOIS: O assassinato do advogado, líder sindical e vereador Evandro Cavalcanti, o crime de maior repercussão da história política de Surubim


Alberico Cassiano


Surubim nunca viveu uma manhã tão conturbada quanto a do sábado, 21 de fevereiro de 1987, dia da movimentada feira da cidade.

O advogado Evandro Cavalcanti seguia a pé para o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, onde, religiosamente, todos os sábados, atendia aos produtores rurais que precisavam de apoio jurídico. Seguia acompanhado da mulher, Jucilete, e pela filha Andréa, de apenas 11 anos.

No sindicato, cerca de trinta posseiros das fazendas Umari e Cruzeiro da Caiana, duas áreas de conflito, o aguardavam. Evandro Cavancanti iria anunciar aos agricultores que tinha conquistado, na Justiça, o direito à posse das terras da Fazenda Umari. Mas não teve chance. No meio do caminho, tinha uma Brasília branca e três homens armados.

"Doutor Evandro", teria dito, de acordo com testemunhas, um deles, se aproximando do advogado.

"Diga companheiro", foram essas as últimas palavras ditas por Evandro Cavalcanti, que mal se virou para olhar,  e foi imediatamente atingido por oito tiros, praticamente à queima roupa. Morreu no local, na avenida Oscar Loureiro, uma das mais movimentadas da cidade.

"Eles ainda passaram na brasília, em marcha lenta, como se quisessem ter certeza da morte dele", declarou em depoimento, a esposa Jucilete Cavalcanti.

Ainda em depoimento, 'Leta', como é chamada, declarou que " Evandro atuava em duas ações contra os proprietários das fazendas Umari e Cruzeiro da Caiana, e apesar de todas as ameças, não demonstrava medo e nunca andou armado ", declarou.

CULPADOS - os fazendeiros Charles Guerra de Farias e José do Rêgo Neto, e um amigo deles, Severino Sinval Leal de Farias foram apontados como os mandantes do assassinato.

De acordo com as investigações policiais, os soldados da PM da Paraíba Francisco Rodrigues de Souza, o 'Trovão', Betânio Carneiro dos Santos, e o PM reformado Valdeci Benício de Sá, de Campina Grande, foram contratados para executar o crime. Foram presos e condenados a 18 anos de prisão.

Os agenciadores também foram presos. Domingos Gonçalves, o 'Domingão', de Limoeiro, foi julgado em 1993, mas em dezembro de 1997, estava em liberdade condicional, aos 68 anos. O ex PM Gildo Soares foi julgado em 1998, também condenado a 18 anos de prisão, conseguiu liberdade condicional anos depois.

Já Severino Sinval conseguiu habeas corpus e ficou em liberdade. Morreu de doença degenerativa no Recife. Os fazendeiros Charles Guerra de Farias e José do Rêgo Neto foram condenados à revelia e nunca foram presos, eram considerados foragidos, mas acabaram sendo assassinados longe de Surubim.

"Jamais temi iniciativas arrojadas"


Evandro Cavalcanti se definia como um homem de esquerda. Era admirador de Sartre e de Fidel Castro. Nasceu em Surubim, no dia 12 de março de de 1949. A personalidade forte se revelou logo cedo.

"Já na escola, com cinco anos, ele brincava de fazer discurso e as freiras ficavam escutando. Quando foi crescendo, logo percebemos que ele tinha a mais forte personalidade entre os nove irmãos. Tinha facilidade em expor o que pensava, defendia suas ideias e sempre foi muito determinado", afirma a irmã e também advogada Nelma Cavalcanti.

Formado em Direito, advogou para o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Surubim. Atuava como advogado de quatorze sindicatos nos municípios do polo. Assegurou, na Justiça, o direito a posse da terra aos agricultores da fazenda Tabu, a primeira área desapropriada pelo Incra no agreste pernambucano para fins de reforma agrária.

"Depois vieram outras áreas, a exemplo das fazendas Caiçara e Jundiaí, em Orobó, fazenda Salgadinho, Pá que vira, em Bom Jardim, e finalmente, Caiana e Umari de Casinhas, sua última batalha. Evandro incomodava muita gente. Ele trouxe vitalidade ao movimento sindical, mobilizou e resgatou a autoestima do homem do campo", lembra o sindicalista Israel Crispin.

Evandro Cavalcanti ingressou na vida pública em 1974, quando participou ativamente da fundação do MDB em Surubim e da campanha de Marcos Freire para o senado.

Foi o segundo vereador mais votado nas eleições gerais de 1982. Teve o mandato voltado para defesa das causas populares, sobretudo pelas questões agrárias.

"Durante toda a minha vida pública, neste município, meu compromisso é com a luta popular. estou consciente que valorizei os votos que foram dados a mim. Jamais temi iniciativas arrojadas. É hora destes tecnocratas aprenderem uma lição muito simples: a de que o povo é sábio. Somente ele, o povo, sabe melhor do que ninguém resolver os seus graves problemas que, na maioria das vezes, requer as mais simples medidas possíveis", afirmou Evandro em discurso na Câmara de Vereadores de Surubim.

 Em 1976, disputou a prefeitura e, embora não tenha conseguido se eleger, obteve 46% dos votos. Em 1986, candidatou-se a deputado estadual e teve quase dez mil votos.

Além da mulher, Evandro deixou quatro filhos: Andréa, Marcela, Luís Neto e Fidel.

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais vai lembrar os 30 anos da morte do advogado e sindicalista Evandro Cavalcanti, com uma missa na fazenda Tabu, celebrada por mais de vinte padres, no próximo dia 23.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

SURUBIM: 'toyoteiros' fazem protesto contra possível proibição de circularem pelo Centro. Prefeitura pretende anunciar medias para organizar trânsito

TRÂNSITO DIFÍCIL - trafegar pelas ruas e avenidas de Surubim, em dias 'normais', já é tarefa complicada.

Da Redação.

Bastou a Prefeitura de Surubim interditar o tráfego de toyotas na rua Maria Rejane Germano, no Centro, para que toyteiros, como são chamados os motoristas que trabalham fazendo transporte alternativo na região, fizessem um protesto, na manhã desta terça-feira (14).

Os motoristas estacionaram os veículos na praça Dídimo Carneiro e em frente ao prédio da prefeitura, protestando contra possíveis medidas para organizar o trânsito da cidade e que mexam com a forma atual de trabalho da categoria. 


JUNTO E MISTURADO: pedestres, mototaxistas, caminhões de carga e toyotas.
CAOS : rua dr. Estácio Coimbra, umas das mais movimentadas do Centro, também tem trânsito complicado.

Os toyoteiros, na verdade, acabaram apenas antecipando um possível protesto. É que, embora pretenda anunciar modificações no trânsito da cidade, hoje, a Prefeitura apenas interditou a rua por conta de obras da Compesa, realizadas na avenida dr. Jerônimo Miranda de Melo, ao lado do banco do Nordeste, local utilizado como 'ponto' de embarque e desembarque de passageiros dos toyotas.


EM 2015 - os toyoteiros protestaram na rua Maria Rejane Germano, no Centro e...
NENHUMA MUDANÇA - ou medida que organize o trânsito de Surubim foi anunciada

O protesto serve também de termômetro, mas não pode ter efeito intimidador. Em 2015, por exemplo, os toyoteiros fecharam a rua Maria Rejane Germano, a praça Dídimo Carneiro e a rua João Batista, em protesto contra possíveis modificações no trânsito. Desde então, nenhuma medida efetiva foi tomada, neste sentido.  

Mas o trânsito de Surubim, com uma frota de veículos maior a cada ano, tornou-se complicado e necessita de medidas urgentes, inclusive as que disciplinem o transporte alternativo de passageiros, sem esquecer dos caminhões que fazem carga e descarga, para o comércio, nas ruas do Centro, e que não seguem nenhuma norma.

Os toyotas são importantes para a economia local, fazendo o transporte dos moradores dos bairros e das comunidades rurais para o Centro, bem como para o fluxo de pessoas dos municípios próximos para Surubim.


MELHORIA DO SERVIÇO: embarque e desembraque é feito na rua. Organização pode ajudar a garantir mais passageiros 

Outro fato, é que, embora os toyoteiros, paguem alvará e impostos, não seguem nenhuma norma que discipline o transporte porque simplesmente não existe. 

Caso não se tome nenhuma medida, a tendência é o caos imperar. Mas será preciso determinação para propor as modificações e pulso firme para contornar a evidente insatisfação da categoria, que será exceção, pois a organização do trânsito de Surubim é uma demanda urgente da cidade.

O protesto desta terça terminou por volta do meio dia, quando as ruas foram liberadas para o trânsito. 
Uma comissão de toyoteiros foi recebida pelo secretário municipal de Defesa Social, José Lopes, que explicou o motivo da interdição.


CARGA E DESCARGA - sem qualquer ordenamento também atrapalha o fluxo dos veículos e...

CAMINHÕES - travam o trânsito em ruas importantes do Centro 

O secretário também explicou que a Prefeitura está concluindo estudos técnicos para definir as intervenções que o trânsito de Surubim sofrerá, mas que as medidas serão anunciadas com antecedência.

A prefeitura se manifestou por meio de nota de esclarecimento, divulgada pela Assessoria de Imprensa. Confira o texto:

NOTA DE ESCLARECIMENTO



Na manhã desta terça-feira (14), a secretaria de Defesa Social da prefeitura de Surubim interditou o acesso das toyotas pela rua Maria Rejane, localizada no centro da cidade. A interdição aconteceu por conta de obras da Compesa que estavam sendo realizadas na Av. Dr. Jerônimo Miranda de Melo, ao lado do Banco do Nordeste, que é normalmente utilizada como corredor de transporte pelos toyoteiros.
Por conta da interdição, diversos toyoteiros realizaram um protesto em frente à prefeitura, mas foram recebidos pelo Coronel José Lopes, secretário da pasta, que esclareceu os motivos da interdição.
Com o término das obras ocorrido por volta do meio-dia, as vias foram liberadas normalmente para o transporte.
A secretaria esclarece, entretanto, que algumas medidas serão tomadas com o objetivo de disciplinar e ordenar a circulação, embarque e desembarque de passageiros e mercadorias por parte dos toyoteiros.
Para tanto, será realizada uma reunião com lideranças dos mesmos, que receberão, em tempo hábil, informações a esse respeito.
Prefeitura de Surubim.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

JOÃO ALFREDO: Prefeitura reestrutura frota e reforça transporte escolar para garantir presença dos alunos em sala de aula


Garantir a presença do aluno na escola começa, literalmente, pelo acesso ao transporte. O ônibus escolar passando quase, ou mesmo 'na porta' das casas é muito importante para assegurar a presença do estudante em sala de aula. Em João Alfredo, a Prefeitura assume com responsabilidade a tarefa de transportar os alunos.

Antes da volta às aulas, os 14 ônibus da frota escolar passaram por uma manutenção completa. Foram realizadas revisões mecânica e elétrica, inspeção nos pneus, extintores e demais itens de segurança, pintura externa e renovação dos estofados. Os veículos também foram adesivados com ações da Secretaria de Educação.


Nesta terça-feira (14), os veículos serão 'oficialmente' entregues à comunidade escolar, a partir das 14h. Entre os 14 veículos, dois micro ônibus são novos. Em breve, a fota ganhará mais um veículo.



ÁGUA - na próxima sexta-feira (17), a Prefeitura inaugura o Sistema Simplificado de Abastecimento de Água em Brejinhos, comunidade quilombola, na zona rural do município.

Fonte: Assessoria de Imprensa.    

SURUBIM: Cabeleireiro tem casa arrombada, reage e mata assaltante


O cabeleireiro João Victor Lins e Silva, 42 anos, matou, com faca, José Roberto da Silva, 33 anos, após reagir ao arrombamento de sua residência, na rua Maria José Vilarin Pires, no bairro São Sebastião.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar, a vítima teria arrombado a casa do acusado para roubar objetos, na tarde deste domingo (13), mas foi surpreendida pelo dono e fugiu, dizendo que iria retornar.  

A noite, por volta das 22h, retornou armado com faca, arrombou a residência e novamente foi flagrado pelo proprietário, que reagiu. Os dois entraram em luta corporal, e o assaltante acabou sendo morto.

O acusado, após o crime, procurou a delegacia de Surubim, e de acordo com o delegado de plantão, vai responder ao inquérito policial em liberdade, por ter agido em legítima defesa. A polícia apreendeu três facas peixeiras no local do crime.

Ainda de acordo com a polícia, o morto residia na travessa Emílio Gomes, no bairro de Campo Grande, no Recife. O corpo dele foi encaminhado ao IML.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

CARNAVAL: Tradição do "vermelho e preto, no Sport Club" , renasce com I Baile Municipal de Surubim


O carnaval de Surubim tem história e tradição. Embora, nos últimos anos, a cidade tenha se tornado um deserto, durante o período da folia, foram muitos carnavais festejados por aqui. A folia tradicionalmente começava com o ' Baile Vermelho e Preto', promovido pelo Sport Club de Surubim, e depois tomava conta das ruas da cidade. Mas desde a década de 1990, a festa no clube deixou de ser realizada.

A noite deste sábado (11), no entanto, marca o resgate das tradições carnavalescas, com o I Baile Municipal, realizado pela Prefeitura de Surubim, no mesmo Sport Club. O evento tem sucesso de público garantido, com a venda antecipada de todas as mesas e pela boa procura de ingressos, vendidos a R$ 30,00.

"Meu pai [carpinteiro e construtor Pedro França] montava uma espécie de estrutura em cima de um carro, e saia tocando, ali em cima. Como o centro de Surubim só tinha 'quatro ou cinco' ruas, quando a gente passava duas ou três vezes, pela mesma rua, todo mundo já ia no embalo. Quando fui presidente do clube, a tradição do 'vermelho e preto' ficou inviabilizada, principalmente porque as pessoas simplesmente não 'comprovam a mesa', alegando que iam passar o carnaval na praia. Considero essa retomada importante, com o Poder Público, investindo no resgate do nosso carnaval", afirma o médico Carlos França, que se faz uma participação, com os irmãos, entre as apresentações musicais no evento desta noite.     

O presidente do clube, empresário Fernando Brito, incentivador e defensor da cultura de Surubim, destaca que este além de ser o primeiro Baile Municipal, é também uma retomada da tradição do carnaval local, marcada sobretudo pelo 'baile do Sport'. "Surubim sempre teve a cultura do 'baile de salão'. O Vermelho e Preto, do Sport Club, no carnaval,  marcou com Nilson Mota e também aconteceu na época de Carlos França. Agora, essa parceria, sedemos com muita satisfação as instalações do clube para a Prefeitura realizar o primeiro Baile Municipal de Surubim, em nome do resgate de nossas tradições. A ideia é exatamente essa, valorizar nossa cultura. A repercussão tem sido muito positiva", frisa.

TRADIÇÃO - a realização do I Baile Municipal de Surubim, no Sport Club, traz a lembrança dos antigos carnavais da cidade e abre a possibilidade de renovar a festa valorizando a cultura. 

"A história de Surubim está diretamente ligada aos grandes bailes do Sport Clube. É poca da emoção de dançar de rosto colado, de reencontrar grandes amigos e de paquerar. Parabenizo os idealizadores da festa deste sábado e desejo que ela venha a fazer parte do nosso calendário de eventos", afirma a escritora Fátima Almeida.

O músico Alonso Neto, frisa a importância de se estender o apoio aos pequenos grupos da cultura popular. "Vejo com satisfação qualquer iniciativa que valorize qualquer vertente da cultura popular, não só com a realização de um baile de carnaval, mas também a ajuda aos pequenos grupos que fazem essa grande festa, mas sempre lembrando que qualquer manifestação cultural pertence ao povo e é para ele que tem que ser implementada", destaca.

CRISE - Já a professora Naiara Ferreira, lembra que a iniciativa da Prefeitura para resgatar o Carnaval, inclusive durante o período oficial, é  uma boa alternativa para potencializar, a festa na cidade. Ela acredita ainda, que este é o momento oportuno para se investir na cultura local, porque muita gente pode desistir de viajar neste carnaval.  

"Principalmente agora, com essa crise. Nem todo mundo pode alugar casa na praia. Muitas pessoas saem de Surubim porque não tem opção para brincar aqui mesmo. retomando e potencializando essa cultura, todos saem ganhando, o comércio e os foliões",  

A partir das 22h, os foliões passam a ser recepcionados pelo Bloco Folguedos de Surubim. O som da noite, fica por conta da Orquestra 100% Mulher e da Orquestra Capiba. A Associação Capiba e o Lar dos Idosos Amélia França, instituições filantrópicas do Município, vão receber parte da renda do baile.

Confira fotos dos tradicionais carnavais da cidade, no Sport Club de Surubim:

1958 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 
1962 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 

OUTROS REGISTROS DO CARNAVAL NO SPORT CLUB DE SURUBIM :




1972 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM

1976 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 
1981 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 
1983 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 
DÉCADA DE 1990 - CARNAVAL NO SPOT CLUB DE SURUBIM 
 

FOTOS: Edvaldo Clemente / Minha Rua Tem Memória (Arquivo dos carnavais no Sport) / Facebook/Divulgação.
Da Redação.

Concurso com 200 vagas para agente de segurança penitenciária é anunciado em Pernambuco


O governo de Pernambuco anunciou a abertura de concurso com 200 vagas para agentes de segurança penitenciária. Segundo a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), são oportunidades para profissionais de nível superior. O edital completo da seleção com a data de início de inscrições, de acordo com a pasta, será divulgado em duas semanas.

O concurso será realizado em sete etapas pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). O processo vai durar todo o ano de 2017. O salário inicial do agente de segurança penitenciária é de R$ 3.900.

O contrato para a realização do processo seletivo foi assinado na quinta-feira (9). De acordo com o projeto da Seres, os novos profissionais vão atuar em 22 unidades prisionais do estado. Entre elas, estão os Complexos de Itaquitinga, na Zona da Mata Norte, e Araçoiaba, na Região Metropolitanma do Recife, que se encontram em fase de obras.

Em 2016, a Seres realizou uma seleção simplificada em que contemplou 200 assistentes de ressocialização. Todos já estão atuando nas unidades.

CRISE - O sistema penitenciário de Pernambuco enfrenta problemas que se agravaram desde o ano passado. Mortes e fugas foram registradas. O número de armas de fogo que foram apreendidas foi mais do que o dobro do material recolhido em 2015.

A Organização dos Estados Americanos (OEA) fez inspeção no Complexo do Curado, na Zona Oeste do recife. Em 2017, o Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) anunciou a realização de uma auditoria.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários Sindiasp-PE cobra a contratação de mais agentes. Cenas de brigas e consumo de drogas foram expostas em vídeos divulgados pelas redes sociais.

Fonte: G1 PE.