quarta-feira, 12 de maio de 2021

UFPE firma parceria com Prefeitura de Paudalho para formação em rede municipal de ensino


O Programa Residência Docente nas Ciências (Redec), projeto de extensão da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) vinculado ao Centro Acadêmico do Agreste (CAA), firmou acordo com a Prefeitura de Paudalho para formação de profissionais ligados à rede municipal de ensino e atendimento às necessidades de professores e alunos que se encontram na fase da educação infantil e ensino fundamental. A parceria, que teve início em abril e vai até dezembro, prevê a capacitação de mais de 8 mil alunos e 276 professores.


O trabalho vai atingir também profissionais ligados às áreas administrativas da educação municipal, gestores e supervisores escolares. São contemplados, ainda, pais e responsáveis dos alunos e docentes da Universidade. O projeto, no município, envolve oito mestrandos, oito graduandos, dois professores da UFPE e um coordenador convidado. As bolsas são financiadas pela Prefeitura de Paudalho via Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da UFPE (Fade).

As atividades realizadas em Paudalho envolvem o Hub de Criatividade, Empreendedorismo e Inovação Educacionais (Hub Educat) e o grupo de pesquisa em Educação, Políticas Públicas, Inovação e Tecnologias, ambos ligados à Universidade. Foram realizadas, em abril, espaços de formação diversos, como lives, seminários, oficinas e conferências. 

As ações envolveram o Colégio Municipal de Paudalho, Colégio Municipal Tancredo Neves, Colégio Municipal Manuel da Rosa, Colégio Municipal Guadalajara, Colégio Municipal Maria de Fátima, Colégio Municipal José Bonifácio e Colégio Genilda Martins. Os temas abordados foram gamificação e o ensino remoto; edição de vídeos educacionais; ferramentas digitais para aulas remotas; utilização de redes sociais para a educação; ferramentas Google; estratégias de aprendizagem cooperativa; formação continuada; dentre outros. 

O Redec foi implementado, em maio de 2017, na cidade de Feira Nova com o objetivo de disseminar propostas pedagógicas e apoiar a rede municipal de ensino para tomadas de decisões mais autônomas e conscientes com a implementação de projetos educacionais nas escolas. Desde então, tem desenvolvido um programa de formação continuada para redes municipais de ensino e vivências formativas para as escolas. Seu objetivo é criar uma rede de vivências formativas por meio de práticas pedagógicas inovadoras alinhadas ao projeto de formação continuada e desenvolver atividades em espaços educativos dentro e fora das escolas.

Foto: Anderson Lima.
Da Agência de Notícias Ascom UFPE.