quarta-feira, 10 de março de 2021

Morre ex-primeira-dama de Pernambuco, dona Suçu Moura Cavalcanti


A ex-primeira-dama, Dona Suçu, como era carinhosamente chamada Margarida Krause Gonçalves de Moura Cavalcanti, faleceu, terça à noite, aos 92 anos, de complicações de uma hemorragia digestiva. Era viúva do ex-governador de Pernambuco, Moura Cavalcanti, que chefiou o Estado de 1975-1979. Não tiveram filhos. Era tia do ex-governador Gustavo Krause.

Visita do então governador Moura Cavalcanti com a primeira-dama a Taquaritinga do Norte.

Ela recebeu o título de Expoente Pernambucano, instituído pela Assembleia Legislativa, pelo grande trabalho social ao longo de sua trajetória, em 2002. Em 1964, Dona Suçu idealizou e organizou a 1ª Feira de Municípios. Atual, Fenearte.

A ex-primeira-dama ainda implantou e comandou programas como as Lojas de Artesanato em Brasília e na Casa da Cultura. Também trabalhou pela integração da mulher no processo de desenvolvimento sócio-político-econômico do Brasil.

Quando foi  presidenta da Cruzada de Ação Social, em 1975, criou o Baile de Debutantes, considerado um sucesso na época, para arrecadação de recursos. 

O governador Paulo Câmara divulgou nota de pesar:


NOTA DE PESAR

Com o falecimento de Margarida de Moura Cavalcanti, Pernambuco se despede de uma grande dama. Viúva do ex-governador Moura Cavalcanti, Dona Suçu, como era conhecida por todos, teve uma trajetória bastante participativa, marcada pela defesa do bem estar da população e pela preocupação com o desenvolvimento econômico do Estado. Quero me solidarizar com todos os seus familiares e amigos neste momento de profunda tristeza.

Paulo Câmara
Governador de Pernambuco.


Fotos: (1) Fernando Machado (2) Blog Jânio Arruda.

Fonte: Blog Social1 - NE10 / SEI.