sexta-feira, 21 de agosto de 2020

ELEIÇÕES 2020: Cardiologista Carlos França(PSL) fora do páreo pela prefeitura de Surubim

O cardiologista Carlos França não vai mais disputar a candidatura, por questão de saúde. Ele deve passar por uma cirurgia na coluna, em decorrência de uma queda.

"Há dois anos, eu levei uma queda andando de quadriciclo, numa curva, vinha correndo um pouco, o quadriciclo virou, e eu deu um jeito muito grande na minha coluna. Isso tem me incomodado muito! Então, recentemente, eu fui ao médico, mandou eu fazer fisioterapia, eu vou fazer uma ressonância magnética, mas pelo que ele me examinou é 99% de chance de eu ter que fazer uma cirurgia para tirar, possivelmente, uma hérnia, bem aqui, perto do pescoço. E eu estou sem poder tocar o saxofone porque dói muito, tô se eu dirigir a rural, dói muito, e incomoda demais. Então ele disse que eu tenho que fazer a cirurgia o quanto antes. Como vai ser no período da campanha, tenho que cuidar da saúde. Então, eu estou fora do páreo por questão de saúde", justifica o médico.

O cardiologista teve o nome lançado recentemente pelo presidente estadual do PSL - Partido Social Liberal, Marcos Amaral, "em nome do presidente nacional do partido e deputado federal, Luciano Bivar". Com a saída dele, outras sete candidaturas seguem na disputa.

Ainda de acordo com o médico, o PSL montou uma chapa proporcional com dezesseis candidatos a vereador. O partido passa a ter como presidente local o irmão dele, empresário Pepe França. Carlos França disse ainda que, em breve, o PSL de Surubim deve anunciar se apoia algum outro partido e compõe chapa, por exemplo, ou se lança candidatura própria.

Da Redação, Alberico Cassiano.