quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE: Polícia diz que morte de criança em banho foi por 'dois minutos de descuido'


O delegado Victor Leite disse que a família do menino que morreu afogado durante o banho em uma bacia, alegou que foi um "descuido de dois minutos". Segundo ele, "o que a família diz é que ele [o menino] estava brincando e eles descuidaram por um momento". O menino morreu na terça-feira (3) em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco.
De acordo com Leite, após o descuido da família "foi quando então a criança deitou o tronco na água e acabou falecendo. A gente vai apurar, realmente, se esse afogamento foi uma fatalidade ou se há participação de alguém na modalidade culposa".
O menino tinha necessidades especiais. A informação foi dada pela mãe da criança em depoimento à Polícia Civil, conforme informou o delegado Julio Porto, nesta quarta-feira (4). O caso ocorreu na tarde da terça (3) em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco.

O delegado também disse que a mãe do menino foi ouvida na terça (3), mas ainda irá aguardar o laudo do Instituto de Medicina Legal (IML) para ter "uma maior precisão do que houve".
ENTENDA O CASO - Um menino de quatro anos morreu supostamente afogado em Santa Cruz do Capibaribe. De acordo com a Polícia Civil, familiares contaram que o menino estava tomando banho quando caiu em uma bacia e se afogou. A polícia não soube informar o tamanho da bacia.

O caso aconteceu na casa da família, no Bairro São Miguel. O garoto chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento, mas já chegou ao local sem vida, conforme a polícia. O caso será investigado pela Polícia Civil.
Fonte: G1 Caruaru