sábado, 3 de dezembro de 2016

Silêncio, choro e chuva de emoção: Brasil e mundo dão adeus a guerreiros


Ole, olé, ole, ole, Chape, Chape! Vamos, vamos, Chape! O campeão voltou! Silêncio e emoção. Assim foram recebidos os 50 corpos de vítimas do acidente aéreo que matou parte do elenco da Chapecoense e jornalistas brasileiros na Colômbia. Neste sábado (03), a Arena Condá lotou para homenagear a Chape.
Voltaram para casa, definiram todos por lá, os quais acompanharam a chegada dos corpos das vítimas de longe desde a saída da Colômbia, passando por Manaus e depois finalmente chegando ao aeroporto de Condá, onde receberam honras militares e foram recebidos pelo presidente da república Michel Temer.  A "casa", a Arena Condá, foi o destino final.
A cerimônia foi encerrada com mensagens de jogadores de futebol de todo mundo. Neymar. Juninho Pernambucano, Marcelo Moreno, Mithyue (futsal), Leandro (Coritiba, ex- palmeiras), Everton (Grêmio), Edílson (Grêmio), Roberto Dinamite, Osvaldo  (Flu), Neto, Leo (ex- santos), Keirrison e Ariel falaram.
Depois das mensagens, o encerramento da cerimônia foi marcado por uma volta dos parentes e amigos das vítimas pelo gramado. Todos foram aplaudidos. Os corpos de 16 vítimas (integrantes da comissão técnica, jornalistas e dirigentes) serão enterrados em Chapecó e o restante das pessoas veladas na Arena seguirão para suas cidades de origem. 

A torcida chegou ainda antes do amanhecer para aguardar a chegada dos corpos das vítimas para homenagem na Arena Condá e lotou o estádio assim que a Arena foi aberta mesmo sob muita chuva.




Mãe e mulher de Danilo são aplaudidas



Letícia, mulher do goleiro Danilo, protagonizou um dos momentos mais emocionantes. Após a cerimônia, foi ao gol onde o marido fez sua última defesa, contra o San Lorenzo (ARG) e que ajudou a colocar a Chape na final da Copa Sul-Americana. Ela levantou a foto do goleiro e todos aplaudiram bastante. Mais cedo, dona Ilaíde Padilha, mãe do goleiro Danilo, emocionou a todos mais uma vez com sua humildade e força. Quando os corpos chegavam em cortejo à Arena Condá e os familiares se posicionavam para recebe-los, Ilaíde foi muito aplaudida pela torcida.

Homenagens no futebol e quebra de protocolo em clássico


O futebol pelo mundo não parou neste sábado de homenagens à Chapecoense. Por todo o mundo os times internacionais e jogadores mostraram o sentimento de luto. No clássico Barcelona x Real Madrid, os atletas dos dois times rivais quebraram o protocolo e se misturaram para foto oficial atrás de uma placa com os dizeres "Fuerza, Chape" (Força, Chape em espanhol).

Jornalistas são velados no Rio, em Florianópolis e em SP



Depois de um atraso para a liberação dos corpos de jornalistas da Rede Globo no Rio de Janeiro, corpos dos profissionais chegaram a sede do Botafogo para receberem as últimas homenagens. Florianópolis e São Paulo também receberam vítimas da tragédia. Os seis profissionais do Fox Sports devem ser velados apenas no domingo (04) após o atraso em Manaus, onde o voo fretado precisou pernoitar.

Fonte: UOL.