quarta-feira, 23 de novembro de 2016

SURUBIM: 22º batalhão da PM coloca todo efetivo interno nas ruas, em operação da SDS


Todo efetivo interno do 22º batalhão da Polícia Militar está nas ruas hoje participando da operação Sociedade Segura que reforça por 24 horas a segurança em todo estado. Desde a meia-noite desta quarta-feira (23) as ruas contam com o reforço de 2.457 profissionais das polícias Militar, Civil, Científica e Corpo de Bombeiros. A ação, denominada Polícia nas Ruas, visa combater todo tipo de crime e vai durar 24 horas.

A Diretoria Integrada do Interior I (DInter I), que abrange as unidades operacionais do Agreste e Zona da Mata, conta com o reforço de 331 policiais militares. Os militares do 22º BPM estão atuando intensamente em vários pontos de Surubim e nas demais cidades atendidas pelo batalhão. 



"Começamos hoje, de meia noite, e estaremos com todo efetivo interno nas ruas até a zero hora desta quinta, nas cidades da área do 22o batalhão, sobretudo em Surubim, por determinação do novo secretário,  Angelo Gioia. Estamos operando com muito empenho, força de vontade, responsabilidade e cumprindo nossa missão de tornar o Agreste Setentrional mais seguro", frisa o comandante Souza Filho, que coordena a operação nas ruas.






Resultado parcial (até o meio dia) da Operação Sociedade Segura - 22º batalhão da Polícia Militar:

Efetivo: um tenente-coronel, um major, dois capitães, um tenente, quatro praças (soldado, cabo e sargento), cinco policiais do Gati, três na viatura Surubim, e os das demais viaturas dos municípios da área que foram utilizadas.

Abordagens:

Pessoas abordadas: 317  
Veículos: 35
Motos:93
Bares: 07
Veículos apreendidos: 03
TCO: 01









Ainda de acordo  com o comandante Souza Filho, o pátio do batalhão conta hoje com 200 (duzentas) motos apreendidas, aguardando que o Detran as retire. Até o fim do ano, a expectativa é de que outras cem motos sejam apreendidas pelos policiais aqui na região. "Mais de 90% dos crimes como assaltos e homicídios são praticados por elementos em motos, daí estarmos fazendo um trabalho forte nesse tipo de veículo", completa.
   


Da Redação.