sexta-feira, 14 de outubro de 2016

'Eu ainda estou lúcido, tenho saúde', diz prefeito de Catente, o mais velho eleito no Brasil

Josibias Cavalcanti tem 88 anos e foi eleito prefeito de Catende pela 3ª vez.
Atualmente, ele é gestor do município da Mata Sul por decisão judicial


O Professor Josibias Cavalcanti, do PSD, foi o prefeito mais velho eleito no Brasil no domingo (2). Nascido no dia 9 de agosto de 1928, ele tem 88 anos e irá assumir a prefeitura de Catende, na Mata Sul de Pernambuco, pela terceira vez por meio de eleições diretas. Atualmente, Josibias está à frente da cidade por causa de uma decisão judicial, já que Otacílio Cordeiro, reeleito em 2012 - foi afastado do cargo e está preso por suspeita de lavagem de dinheiro, desvio de verbae falsificação de documentos..

Natural de Água Preta, o prefeito eleito mora em Catende desde os 4 anos e destaca ter lucidez e saúde para seguir na administração do município. "Eu ainda estou lúcido, tenho saúde, me sinto apto. Vou pedir a Deus para Ele me ajudar a governar", disse Josibias.

"Eu não sabia disso [que foi o prefeito mais velho eleito]. Achei que fosse brincadeira. Nessa idade, a gente é criticado porque é velho, é 'gagá'. Se dissessem que eu sou decano, era tão bonito", brincou o prefeito eleito. Josibias é formado em direito e se aposentou como promotor público em 1982.

Josibias contou que o pai dele foi prefeito de Catende por duas vezes, enquanto ele já foi vereador do município e, também, gestor. O prefeito eleito ocupou os dois cargos públicos em duas oportunidades. "Fui prefeito em 1969 e 1977", disse.
Cavalcanti ainda revelou que não esperava uma vitória nas eleições. "Para ser franco, comecei minha campanha apenas por um dever partidário. Foi uma vitória, até o meio da campanha, inesperada. Agora, nessa idade, vou enfrentar o desafio de gerir um município que, como o Brasil todo, está carente com essa crise", detalhou.

'Operação Tsunami' - Uma operação da Polícia Civil - denominada "Tsunami" - cumpriu 11 mandados de prisão preventiva, 21 de busca domiciliar e oito de condução coercitiva contra integrantes de uma associação criminosa em Catende, na Mata Sul de Pernambuco. Segundo a polícia, o grupo praticava emprego irregular de verbas públicas, falsificação de documentos e lavagem de dinheiro na Prefeitura de Catende. Otacílio Cordeiro, que era o prefeito de Catende, foi afastado do cargo e está preso.
Fonte: G-1 PE.