terça-feira, 11 de outubro de 2016

CHACINA: Quatro jovens são mortos a tiros em loteamento de Caruaru, Agreste de PE

Quádruplo homicídio foi registrado em um loteamento do Bairro Maria Auxiliadora, em Caruaru. Polícia Civil é responsável pela investigação. (Foto: Magno Wendel/TV Asa Branca)
Quatro jovens – de 21, 22, 25 e 27 anos – foram mortos a tiros na noite de ontem (10) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O delegado Bruno Vital informou que a vítima de 25 anos chegou a ser levada para o Hospital Regional do Agreste, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade. “Até o momento, não foram identificadas a autoria ou motivação [do crime]”, disse. O quádruplo homicídio ocorreu em um loteamento do Bairro Maria Auxiliadora.
De acordo com a Polícia Militar, o jovem de 22 anos foi atingido por sete disparos de arma de fogo, enquanto o de 27 apresentava ferimentos causados por dois tiros. A vítima de 21 anos foi atingida por três disparos, conforme informou a PM. Os três morreram no local.
A Delegacia de Homicídios de Caruaru ficará responsável pelas investigações. Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto de Medicina Legal (IML) do município.

Morreram no local, Layvison Moura da Silva, de 27 anos, que morava na Rua Nereu Ramos, no bairro Jardim Panorama; Jefferson Daniel de Melo Silva, de 22 anos, que residia na Avenida Cícero Rodrigues, na Vila Kennedy e Aldenize Pessoa Olimpio, de 21 anos, que morava na 3ª Travessa do Pacífico, Santa Rosa. A quarta vítima, Juliete Gomes ou Pâmela, que foi levada ao HRA, não resistiu e também faleceu. 


O perito criminal Dr. Carlos Henrique, informou que as vítimas foram mortas com tiros de revólver calibre 38 e que pela quantidade de tiros a chacina foi cometida por pelo menos dois elementos. Ao lado dos corpos estavam um veículo Golf vinho, placa CEK-0675 de Osasco-SP e uma moto Biz vermelha, placa KKE-0399, que pertenciam as vítimas. Jefferson foi atingido por sete disparos, sendo um no pescoço, quatro na cabeça e dois nas costas; Layvison foi morto com dois tiros nas costas; Aldenize com três tiros, sendo um no peito, um nas costas e um na cabeça e a Juliete com dois, sendo um no ombro e um na cabeça.
Delegados Bruno Vital e Marcio Cruz deram coletiva de impresa sobre o quádruplo homicídio em Caruaru (Foto: Rodrigo Miranda/G1)
O quádruplo homicídio tem "características de execução", de acordo com o delegado Marcio Cruz. A informação foi divulgada na manhã desta terça-feira (11) durante uma coletiva de imprensa. A Polícia Civil ainda não sabe a motivação e autoria do crime, mas não descarta que o ex-companheiro de uma das vítimas tenha participado dos assassinatos.
Segundo a Polícia Civil, as vítimas tinham marcado um encontro - duas delas estavam em um carro e as outras em uma moto. Duas pessoas chegaram no local em outro veículo e atiraram nos quatro jovens, conforme informou a polícia. "Suspeita-se que os criminosos sejam conhecidos das vítimas", afirmou o delegado.

Fontes: G1 Caruaru / Blog Agreste Violento / Blog Se Liga Belo Jardim.