terça-feira, 9 de agosto de 2016

Ana Célia (PSB) e Túlio Vieira (PT) polarizam disputa pela Prefeitura de Surubim

FOTOS : Internet / Divulgação


A exemplo do que aconteceu em 2012, a disputa pela prefeitura de Surubim vai ser polarizada entre os candidatos Ana Célia (PSB) e Túlio Vieira (PT), que tenta reeleição. Esta eleição, no entanto, é diferente do pleito anterior, sobretudo pela atual conjuntura, ainda marcada pelos desdobramentos da crise, e pelos apoios dos dois palanques.  
     
Tanto Ana Célia quanto Túlio Viera se elegeu vice. Ela foi eleita vice na chapa encabeçada por Humberto Barbosa (PFL), em 2000. A dupla não foi reeleita. Ana Célia encabeçou a chapa socialista em 2008 e 2012, mas sem sucesso. Túlio Vieira eleito vice de Flávio Nóbrega, em 2008. Na eleição de 2012 se elegeu com o apoio do ex-companheiro de chapa.



Agora, os 46.122 eleitores aptos a votar em Surubim este ano, de acordo com o TRE, decidem pelo futuro do Município pelos próximos quatro anos, e o destino políticos dos dois candidatos.



A terceira candidatura da socialista Ana Célia Farias tem como diferencial o apoio do ex-adversário Flávio Nóbrega, que indicou o filho Guilherme, para compor a chapa da oposição. Também conseguiu agregar o grupo liderado pelo presidente da Câmara Fabrício Brito, formado pelos vereadores Bomba, Huck Lúcio Fabício e Paulo do INSS. Conta ainda com o apoio lideranças do PSB a exemplo da ex-primeira dama Renata Campos, da ministra Ana Arraes e dos deputados Danilo Cabral e Nilton Mota. Como conseguiu manter esse amplo grupo na oposição, a campanha socialista esta está bem confiante e acredita no favoritismo da candidata. Caso vença, será a primeira mulher a governar Surubim.  




O prefeito Túlio Vieira (PT) tenta o primeiro vôo solo. Enfrenta a primeira eleição sem o apoio do principal cabo eleitoral da disputa passada, o ex-companheiro Flávio Nóbrega. Tem o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, dos movimentos sociais tradicionalmente ligados ao PT e do chamado “voto religioso”. Tenta captar o voto dos dissidentes e descontentes com a parceria eleitoral entre Ana Célia e o ex-prefeito, sobretudo o dos eleitores da classe formadora de opinião. Tem o apoio ainda importante do “nome” do ex-presidente Lula. Conta com um braço no governo do estado, o deputado Ricardo Costa, e em Brasília com o deputado Ricardo Teobaldo. Tem o desafio vender a própria gestão, que coincidiu com a grave crise econômica que o país ainda atravessa e que prejudicou muito a gestão dos municípios. Pode ser beneficiado por um possível clima de já ganhou da candidatura adversária.

Adicionar legenda

A coligação Frente Popular de Surubim - Ana Célia Farias prefeita – Guilherme Nóbrega vice - é formada pelos partidos PSB, PSD, PR, DEM, PSDB, PPS, PRB, PRTB e PTC.  Já a Coligação Surubim Avança Mais – Túlio Vieira prefeito – Josafá  Vasconcelos vice – PT,  PV, PDT, PTB, PCdoB e P-Sol. A disputa pela prefeitura de Surubim tem no páreo ainda, o médico e deputado estadual Valdir Sales (PP). O ex-prefeito de Vertente do Lério tem como vice a filha, Mikalea Sales.