segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

A cereja do bolo: cortejado pelos socialistas, vereador Vavá pode deixar PT e apoiar candidato do PSB

ALIADO DE PRIMEIRA HORA - vereador dr. Vavá é líder do PT na Câmara, mas pode não ficar ao lado do prefeito Túlio Vieira, na campanha da reeleição
O recente encontro político entre os secretários Nilton Mota e Danilo Cabral com lideranças locais, realizado em um sítio na zona rural de Surubim, e que reuniu lideranças socialistas e o grupo do ex-prefeito Fávio Nóbrega (o PSB do ex-PT) contou também com uma presença no mínimo inusitada: a do vereador dr. Vavá, mais votado da coligação que elegeu o prefeito Túlio Vieira (PT) e líder do partido na Câmara Municipal por oito anos.  

O encontro aconteceu no sítio do diretor do Hospital Regional de Limoeiro, Carlos Maurício Guerra, na localidade do Jucá Ferrado, e reuniu a dualidade do possível palanque socialista da eleição municipal de outubro. 

CONSIDERAÇÃO AO AMIGO: vereador Vavá, empresário Sebastião Neto (Zé Um) e diretor Carlos Maurício


De um lado, correligionários dos secretários surubinenses, a exemplo dos ex-prefeitos Antônio Barros, José Arruda, o atual vice prefeito Fábio Barbosa (PR), o presidente da Câmara de Surubim, Fabrício Brito (PSD) e a vereadora Véia de Aprígio (PSB), mais votada em 2012. 


Do outro, o grupo do recém chegado do ex-prefeito Flávio Nóbrega (ex-PT), com o filho Guilherme Nóbrega (possível vice do PSB, numa eventual chapa encabeçada por Nilton Mota), o vereador Fred Lafayette e o ex-secretário de Saúde Manoel Marques. Dois assessores do prefeito Túlio Vieira (PT) foram neste grupo e exonerados em seguida. 



Vereador eleito duas vezes pelo PT, Dr. Vavá é advogado e tem base política em bairros da periferia de Surubim, sobretudo no bairro São José, conhecido como a rua do Açude, e sempre foi defensor contundente das gestões petitas. Foi defensor da gestão Flávio e vem defendendo a gestão Túlio, em ambas como líder do partido na Casa Euclides Mota. Foi só ao evento.

Após o encontro, começaram a circular rumores que o petista estaria sendo fortemente cortejado pelos socialistas e que poderia, inclusive, deixar, até o final de março, o PT e aderir ao projeto socialista de conquistar a Prefeitura de Surubim.

"Eu só fui ao encontro por conta da minha relação de amizade com Carlos Maurício. Por conta disso, não poderia deixar de comparecer", desconversa.

A notícia foi destaque na coluna Ponto a Ponto, assinado pelo jornalista político Aldo Vilela, no Diário de Pernambuco, e no Blog aldovilela.com.br. A nota diz o seguinte:



VAVÁ NA CORRIDA
Depois que esteve no mesmo evento para prestigiar os secretários conterrâneos, aumentaram os rumores de que o vereador Dr. Vavá, mais votado do PT, estaria deixando o partido para apoiar a candidatura do PSB à Prefeitura de Surubim.

Fonte: Aldo Vilela, Ponto a Ponto/Diário de Pernambuco, Blog aldovilela.com.br